Menu fechado

Minha primeira vez com uma mulher

Hoje vou contar a história da minha primeira vez com uma mulher e deixar alguns detalhes que acho que vocês vão amar. Eu nunca tinha ficado com uma mulher na minha vida, pelo menos não até conhecer a Amanda. Ela era um mulherão, tinha cerca de 1,70m de altura e olhos verdes. Fiquei apaixonada e comecei a desconfiar da minha sexualidade depois que nos conhecemos. Fazíamos o mesmo curso, no mesmo horário e faculdade. Sempre marcávamos de estudar na minha casa.

Ela era muito boa nas matérias que eu tinha dificuldade, então os encontros para estudar eram muito frequentes. O problema é que comecei a prestar atenção demais na boca dela, uma boca bem desenhada e bem vermelhinha que me fazia sonhar com ela todas as noites.

Amanda estava solteira na época e era assumidamente lésbica. A gente se gostava e até chegava a rolar um clima de vez em quando, mas eu resistia, porque não sabia se eu realmente era lésbica ou não. Só sei que aquela mulher me deixava louca, me fazendo sonhar as coisas mais pervertidas possíveis.

Minha primeira vez com uma mulher

Minha primeira vez com uma mulher

Naquela tarde, a gente acabou se encontrando de novo na minha casa. Eu estava usando saia, me arrumei mais do que das outras vezes e prendi meu cabelo em um rabo de cavalo. Amanda chegou pontualmente, me olhou de cima a baixo, como se fosse me devorar, e sentou no sofá da sala. Senti um arrepio na pele assim que ela sentou.

Como de costume, ela tirou o caderno e os livros da bolsa, colocou em cima da mesa e começou a discutir a matéria da semana. Eu não conseguia prestar em nada, porque ficava olhando pra boca dela, pintada de gloss de cereja. Pelo cheiro, devia ser daquilo mesmo.

Então, quando ela notou, perguntou se eu queria um beijo. Fiquei assustada, porque não imaginei que estava tão na cara assim. Amanda veio pra cima de mim e me beijou. Começamos a nos pegar no sofá, derrubando os livros e os cadernos. Ela me deitou e ficou por cima, segurando minha coxa.

Amanda tinha uma pegada incrível. Foi a primeira vez que uma mulher me chupou, com aquela boca macia e a língua que tocava no meu grelinho como se fosse mágica. Eu gozei muito naquele dia, principalmente depois que ela meteu os dedos e chupou meus peitos. Ainda hoje, eu e Amanda costumamos “estudar” juntas.

Veja abaixo alguns outros contos eróticos lésbicos:

Transa lésbica com uma ruiva

Lésbicas fodendo no banheiro da balada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *