Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos de Sexo » Uma loucura 3

Uma loucura 3

Publicado em 14/03/2024 por Marta

Olá , meu nome é Marta , sou morena magra , seios médios rabo redondinho muito bonita . Vou falar um pouco de mim de quando tinha 18 , sempre tive  muita curiosidade sobre sexo, gostava de  provocar e de dar para amigos e até desconhecidos, dei para alguns rapazes lá da escola o que me fez ganhar fama de fácil, sou  tímida mas me excitava  muito o medo e a vergonha . Eu era nova ainda quando  conheci Pedro, e foi namoro a primeira vista , ele já vivia sozinho eu ia dormir muitas vezes a sua casa , até que praticamente já lá vivia , ele trabalhava por turnos ,  e trazia sempre um amigo  Márcio , era um rapaz feio magro que trabalhava por turnos com Pedro , fazíamos muitas brincadeiras , numa delas me fez dar para dois rapazes lá da escola que na altura detestava , Zé e Nuno o que foi o erro dele  . Depois de ter dado para eles numa rua , eu fiquei doida por Zé principalmente, trocava mensagens com ele e fotos as escondidas de Pedro , falávamos de fantasias , e sempre que podia  realizamos algumas. Numa tarde de sexta feira eu estava em casa aborrecida, pois Pedro estava dormindo pois tinha de ir trabalhar a noite , quando Zé me começou a mandar mensagens , ele falou que estava com uns amigos , e se eu podia sair com eles e dar para eles , eu falei-lhe que já tinha feito algo assim uma vez , e por acaso até tinha gostado , mas que não me estava apetecer, Zé continuou a insistir , dizendo que lhes tinha prometido , que ia ser diferente que eles eram mais atrevidos , eu na brincadeira falei que só se pagassem uma quantia , Zé deixou de mandar mensagens . Por volta das 21h Zé me mandou uma mensagem para ir ao meu correio , Pedro dormia e eu fui correndo e vi um envelope com a quantia que eu tinha dito , fui logo para casa e mandei mensagem a Zé falando que eu estava a brincar , Zé respondeu que agora já não podia negar e para aproveitar o dinheiro  , que tinham dado o que eu tinha pedido para ser deles essa noite , lhe perguntei se os conhecia e o que estavam a pensar fazer , Zé só me respondeu que achava que não os conhecia e que eles eram safados mas depois via   , e não sabia onde estavam a pensar ir mas que lhes tinha dado meu numero para combinar tudo . Por volta das  21h 30 um tal de Jorge me mandou mensagem , e disse que me iam buscar as 23h e que levasse só vestido o meu casaco comprido como de uma vez que Zé lhes tinha dito .Lhe disse que  esse casaco estava a limpar pois me o tinham sujado todo, e só tinha um que era mais fino mas curto de mais  que se não fosse-mos para nenhum sitio eu podia o levar , ele falou que o levasse vestido que depois viam . Eu lhe perguntei quantos eram e se os conhecia , ele não respondeu . Pedro acordou se vestiu e foi trabalhar , eu fui vestir aquele casaco , dava para se notar meus bicos era aberto até quase meu umbigo , 3 botões , andar ele abria um pouco se vendo que não trazia calcinha e dando para ver um bocadinho de meu rabo , era de mais mas não tinha mais nenhum.

Uma loucura 3

Uma loucura 3

Por volta das 23h Jorge me mandou mensagem me dizendo que me esperavam lá em baixo , eu senti aquele nervoso  , lhe disse para ir para as traseiras do prédio para ninguém me ver assim vestida , ele falou que tudo bem , sai da porta correndo para o elevador e sai na garagem , vi um carro se aproximando e parando a meu lado , entrei correndo para a frente , quando entrei vi que eu os conhecia , eram 4 homens lá do bairro um deles meu vizinho, morri de vergonha , Jorge o condutor , André , Rui e Carlos o vizinho , saímos dali , eu estava ali sentada morrendo de vergonha os ouvindo falar  , Jorge meteu sua mão em minhas pernas , e falou que iriamos beber umas cervejas á praia , sua mão começou a subir até minha vagina , ele se gabou que eu estava molhadinha, fazendo os outros rirem , paramos numa praia onde havia um muro a separar da praia e onde estava lá uns rapazes bebendo e fumando  , saímos , eu puxava aquele casaco para baixo , Rui foi buscar cervejas e André me pegou ao colo e me sentou no muro , eles conheciam aqueles rapazes pois os cumprimentaram  , André se sentou a meu lado e falou que já me tinha visto lá no bairro e sempre me quis comer , eu só sorria e os ia ouvindo ,até que  meu vizinho Carlos me agarrou a mão e me puxou dali , eu agarrava aquele casaco , descemos umas escadas para a praia e me fez entrar numa barraca de pano que havia ali muitas na praia , eu ouvia eles no muro gozando , Carlos logo me agarrou o rabo começando me apalpando toda e me beijando , ele queria meter dedos em todo lado , eu abri sua calça e comecei a o masturbar , nisto me ajoelhei e o chupei  , ele me agarrava a cabeça e socava seu pau na minha boca , nisto me puxou e me virou de costas para ele e me penetrou , ele socava com força me fazendo agarrar aquele pano fazendo a barraca abanar o que fez eles no muro gozarem muito , Carlos me puxava o cabelo e me comia até que se veio , tirou seu pau e disse que estava deserto para me comer pois me via todos os dias e eu lhe dava tesão , me ajeitei mais ele e saímos dali , claro que logo começaram a gozar eu estava vermelha de vergonha e voltamos para ao pé deles , já lá estavam as cervejas e bebemos ali em pé em quanto eles gozavam comigo e Carlos , André colocou sua mão em meu rabo e me o apalpava ali no meio deles e ia falando , eu fiquei ali com meu rabo quase todo a mostra , morria de vergonha pois aqueles rapazes ao lado viam e cochichavam rindo e começaram se metendo na mossa conversa ,nisto André me perguntou em voz alta se Carlos me tinha comido o rabo também, todos riram a gargalhada até os rapazes , eu muito envergonhada, falei que não , ele logo me puxou rindo e voltou a me levar aquela barraca , ele se despiu e disse para o chupar eu o chupava quando me disse para eu lhe enfiar um dedo no rabo , eu o olhei pois nunca tinha feito nada assim , eu comecei a passar meu dedo por seu rabo até que o enfiei , seu pau começou a crescer e a ficar muito rijo , ele gemia em quanto eu o chupava e lhe ia enfiando o dedo no rabo , nisto falou para meter mais eu enfiei o segundo dedo , eu até me estava a divertir até que me puxou me virou de costas para ele e falou que era a vez dele e de uma só vez enfiou seu pau no meu rabo me fazendo dar um grito de dor , ele me puxava e me enfiava fundo em quanto me apalpava os seios , nisto o pano da barraca abriu e dois daqueles rapazes viam ele me comendo o rabo , André os mandou embora e continuou me socando com força e fundo até se vir , ele me beijou e se vestiu ,me doía o rabo, mas  lá voltamos para ao pé dos outros e voltamos com as piadas , Jorge que parecia que era o que mandava ali , me disse para atravessar a estrada e ir ao café da frente buscar umas cervejas para nós , eu agarrava aquele casaco vi logo que ia dar asneira , fui lá o dono me olhava de sima a baixo me deu as cervejas e sai dali , o casaco claro que subiu e eu ia a mostrar o rabo quase todo , eles riam me vendo chegar , dei as cervejas e voltei para meu canto ,  aqueles dois rapazes estavam sempre a me chatear  e eles achavam graça eu os estar sempre a afasta-los , Jorge falou para irmos embora e eu adorei , saímos dali , e me foram deixar a casa , meu vizinho Carlos também quis ficar , na garagem falou  que teríamos de repetir  , para não me preocupar que não iria contar nada a Pedro mas que queria ser ele a mandar em mim , eu falei que teria de pensar .

4334 views

Contos Eróticos Relacionados:

Corninho lambendo a buceta gozada da esposa

Corninho lambendo a buceta gozada da esposa após ela ter tomado uma bela sessão de pirocada do entregador de pizza. É isso mesmo, vou lhes contar como eu acabei deixando a minha própria esposa...

LER ESTE CONTO

Eu Lucio e meu amigo Valter – descobrindo meu desejo

Sou filho de mãe solteira e jamais senti a falta de um pai. Moravamos num bairro em uma casa simples no suburbio de São Paulo, estudei em escola pública até o ginásio. Tinha um amigo Valter, e na...

LER ESTE CONTO

O tatuador comeu minha esposa na minha frente

...Wagner era negro corpo normal e não muito alto deveria ter 1,75. Ele ofereceu seus serviços de tatuador mas na hora não quisemos. Chegando em casa após a praia estávamos conversando e comentei que gostaria que ela fizesse uma tatuagem tribal bem acima do bumbum. Que queria transar com ela assim e que eu estava com muito tesão só de imaginar.

VER

Desabafo de uma puta

Desabafo de uma puta - Vou usar esse espaço para desabafar porque sei que muitos vão se excitar mas eu estou é preocupada com a merd@ q me enfiei. Ha cerca de 2 meses encostei em um bar para beber...

LER ESTE CONTO

1 - Comentário(s)

  • Luis 16/05/2024 20:12

    Hummm gostosa safada

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 3 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Pornô - Xvideos Pornos - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude