Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Eróticos de Corno » Meu marido é culpado

Meu marido é culpado

Publicado em 14/07/2023 por Jania souza

Meu marido anda muito desinteressado por mim. Não sei o que fazer para cativa-lo

Penso quando fazia gostoso. Tempo passado. Fico de calcinha dentro de casa – às vezes deito sem calcinha e o chamo para deitar comigo. Ele dá uma desculpa e sai.

Há pouco tempo tomei muito vinho e de fogo fiz xixi na calcinha. Retirei -a e deitei sem. Desmaiei.

Nesse dia ele me usou. Abriu minhas pernas e meteu com força. Encheu minha buceta de porra. So no outro dia vi o que ele fez. Estava cheia de porra.

Perguntei a ele o que fez comigo. Disse que quando me viu sem calcinha e descoberta com as pernas separadas ficou com tesão.

Falei: você me paga. Isso é um estupro.

Ele falou, lambi sua buceta e deixei molhada para não te machucar. .

Mas você gostou porque se abriu toda.

Falei: não vi.

Eu trabalhava na área de serviço, lavando e estendendo roupa. Vi que no prédio ao lado, na janela um rapaz me olhava. Seu apartamento fica dois níveis acima do meu.

Estava só de calcinha. Notei que ele olhava. Fingi não saber que estava sendo vista.

Continuei estendendo as peças no varal.

Deixei minha bunda para ele olhar.

Sai , fui no quarto e peguei a toalha , coloquei no ombro, retirei a calcinha e entrei na área . minha pomba peluda para ele ver. Fingi arrumar a máquina e sai. Vi que ele olhava com certeza batia uma punheta.

Tomei banho vesti um vestido e na área peguei a bolsa para ele ver que ia sair. Queria que ele encontrasse na rua .

Meu marido viajava – olhei para a janela ele tinha saído . entendeu que eu estava saindo.

Dei um tempo no portão da rua. Sabia que ele ia me reconhecer e eu também. Logo vi ele andando no passeio.

Sai caminhando n mesmo sentido. Ele me alcançou. Sorriu para im e dalou: oi! Você é aquela minha vizinha né?

Respondi: Moro aqui nesse prédio, você também?

Ele: moro no prédio ao lado. Vi você trabalhando na área.

Vou ali comprar umas verduras.

Ele: nossa! Te vi trabalhando na sua área – estava sozinho.

Falei : meu marido viajou. Ficará fora muitos dias.

Ele: também estou só. Minha mulher viajou a serviço.

Falei: coincidência né?

Ele: você está muito atraente. Gostosa.

Se quiser conversar e tomar algo comigo, pode ser no seu ou no meu.

Falei: você pode ser meu filho.

Ele: Não menospreze, é muito gostosa. Para ter prazer não tem diferença de idade.

Te olhando, me deixou muito curioso.

Vamos nessa gatona. Você merece muito gás.

Meu marido é culpado

Meu marido é culpado

Meu ap é … me chame no interfone.

Não resisti. Comprei alguns tomates, umas cebolas e voltei correndo para entrar no ap do garanhão. Bem mais jovem que eu.

Abriu a porta e logo fechou. Me abraçou e encostou seu corpo no meu. Senti duro seu instrumento.

Levantou meu vestido e me deixou só de calcinha. Agarrou minha bunda  e apertou.

Abri seu zíper e abri sua calça jeans.

Falei: já que está no atraso, peço que me faça também ter um orgasmo que faz tempo que não tenho.

Se livrou de tudo, vi ereto um pinto jovem e teso.

Retirei minha calcinha e deitei com as pernas já separadas.

Ele cheirou minha vulva, passou a mão e caiu sobre mim, beijando meus peitos caídos. Senti o pau duro querendo achar a entrada.

Falei: calma. Demoro ficar molhadinha. Peguei seu pinto e alisei. Coloquei o nariz e passei a língua na glande. Estava já com o meladinho na pontinha.

Fui por cima dele e guiei na buceta. Entrou a cabeça. Forcei e entrou tudo.

Ele gemeu. Deitei o corpo sobre o dele e comecei a descer e levantar no seu pau.

Ele gemia. Eu também estava gostando demais.

Assentei no seu pau. Peguei nos meus peitos e fiquei mordendo seu pinto.

Ele falou: nossa estou quase gozando.

Sai de cima dele e fiquei de quatro. Falei: faz bem devagar por trás. Vamos gozar juntos.

Ele metia e eu gemia. Quando ele jorrou eu senti e tive um grande orgasmo.

Eu e ele lambuzamos de porra.

Descansamos um pouco. Quando queria ir no banheiro, ele falou: espere. Vou lamber sua buceta gostosa. Adoro esse cheiro de mulher. Me lambeu toda. Queria meter novamente, pedi para chupar seu pau. Falei pode gozar na minha boca.

Assim ele fez. Ejaculou novamente na minha boca. Senti aquele gosto de porra salgada.

Marcamos de no outro dia ele ir lá em casa.

7022 views

Contos Eróticos Relacionados:

Primeiro Encontro

Eu sou membro do site de relacionamento gls mas raramente escrevo lá até porque não temos espaço, colocamos o que é a preferencia e esperamos o resultado, agora com a possibilidade de colocar...

LER ESTE CONTO

A senhora do parque Trianon (Parte ll)

Aquela noite eu fiquei a pensar, como uma mulher madura como a Estela tem potencial para dar e receber prazer e muitos homens não sabem disso, ou não tem interesse em saber apenas por se tratar de...

LER ESTE CONTO

Comendo minha irmã casada na viagem de fim de ano

...Tirei minha sunga e passando a toalha estranhamente comecei a ficar de pau duro… Devia ser porque estava pelado tão perto de uma mulher; mesmo sendo minha irmã. Mas o pior foi que Rita virou me pegando ainda com a cueca na mão. - Desculpa Vitor, não aguentei de curiosidade…

VER

Minha esposa deixou eu comer sua prima

ola leitores vou contar como acabei comendo a Silvia prima da minha esposa com ela junto Silvia mora na praia grande e em um fim de semana fomos visitar ela como os filhos dela haviam ido passar o...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 3 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Pornô - Xvideos Pornos - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude