Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Eróticos de Fetiche » A recrutadora e uma entrevista envolvente

A recrutadora e uma entrevista envolvente

Publicado em 11/09/2023 por Jovem_pegador

Me chamo Marcelo, tenho 19 anos, tenho pele branca, 1,85 de altura, olhos pretos, cabelo curtinho castanho, um corpo normal, prático esportes.

Eu estava fazendo faculdade de química e apareceu uma oportunidade de estágio em uma empresa farmacêutica grande, me candidatei e fiquei na torcida que me chamassem, passou uns dois dias, recebo a ligação que estaria participando do processo seletivo, me passaram que seria no dia seguinte de manhã, o local e o horário, fiquei muito feliz por estar participando daquela seleção, terminei meu dia e logo descansar para a entrevista.

Me arrumei, colocando uma camisa social, uma calça social e sapato, peguei um táxi e fui para lá, na empresa tinha muitos candidatos tanto homens como mulheres, a primeira fase iniciou com provas de conhecimentos gerais e um pouco específicos a área, questionários padrões que tem e assim foi a primeira etapa, eu estava bem confiante.

Passou-se mais uns dois dias, me ligaram chamando para a segunda fase no dia seguinte, minha felicidade era enorme, estava indo bem, o dia passa e deito cedo descansar para aquela segunda fase da entrevista.

Na manhã daquele dia, já me arrumei socialmente e fui, agora com bem menos candidatos e agora com mais mulheres do que homens, as que ficaram todas bem gatinhas por sinal, logo somos chamados a uma sala e acontece uma dinâmica em grupo para ver como lidamos com as situações, sinto que vou bem ao final e fico na expectativa agora, nos agradecem pelo comparecimento e venho embora.

Era próximo do final de semana já, curti de boa em casa, estava muito ansioso pela resposta daquela entrevista, na segunda feira de manhã me ligam e disseram que eu estava na última fase e que deveria estar de tarde na empresa, pensei uau hoje já, me arrumei, fiz a barba, fiquei bem bonito para a seletiva, fui então todo confiante.

Na sala de espera, estava três meninas e eu somente, logo chega à recrutadora e se apresenta.

Seu nome é Patrícia, aparentando ter uns 40 anos, pele branca, 1,64 de altura, olhos verdes, cabelo loiro nos ombros, um corpo violão, com seios grandes. Vestia uma camisa social preta com os punhos pink, uma saia mídi justa até o joelho na cor goiaba e uma sandália nude salto alto.

Eu via ali uma recrutadora tão gata como as meninas de 20 e poucos anos que ali estavam. Ela chamou duas meninas juntas para conversar, quando a vi de costas andando, que delícia de mulher, uma bunda empinada e sendo bem marcada por aquela saia.

Passa-se uns trinta minutos, as duas meninas saem da entrevista e ela nos chama para a sala, nós sentamos.

– Patrícia: muito bem Marcelo e Juliana vamos dar início.

Juliana, 21 anos, pele branca, 1,69 de altura, olhos pretos, cabelo ruivo comprido, um corpão, seios grandes e uma bunda arrebitada. Vestia uma camisa social azul marinho, uma calça social preta e uma sandália preta salto médio.

– Patrícia: como sabem é uma vaga de estágio, temos duas vagas para a área química.

Ela começa fazendo perguntas um pouco técnicas sobre o que sabíamos da faculdade já, como nos víamos daqui cinco anos, perguntas tradicionais, ficamos tempo naquela entrevista.

Patrícia então se levanta, fecha as cortinas de sua sala e passa a chave na porta, retorna e se senta em cima da sua mesa de frente para mim e Juliana.

– Patrícia: já fiz a entrevista padrão, foram bem, mas quero saber de vocês dois, se fariam qualquer coisa por essas duas vagas;

– Marcelo: eu faria sim, quero entrar nessa empresa e dar o meu melhor;

– Juliana: eu também daria o máximo e faria tudo o que for necessário;

– Patrícia: muito bem, qualquer coisa então, para conquistar a vaga; então me digam uma fantasia sexual de vocês dois;

– Juliana: eu sempre quis transar com outras pessoas me assistindo e me vendo gemer;

– Patrícia: muito bem Juliana, uma fantasia bem excitante, e você Marcelo?

– Marcelo: eu queria vocês duas nuas chupando gostoso meu pau e depois fodendo suas vaginas.

Eu já estava explodindo de vontade de trepar e via ali que elas também estão com vontade, olho para Juliana me olhando com desejo e Patrícia também com as pernas abertas em minha frente.

– Juliana: e você Patrícia qual sua fantasia sexual conosco nessa sala?

– Patrícia: eu quero ver vocês dois nus transando topam?

Eu e Juliana nos olhamos fixamente, Juliana se levanta e vem se sentando de frente em meu colo e me dando um beijo na boca bem sensual, entro no clima daquela entrevista envolvente, pego naquela bunda quente e atraente, ela dá um gemido e continua aquele beijo e rebolando bem safadinha, suas mãos iam abrindo cada botão da minha camisa até não sobrar nenhum, ela sai do beijo e se senta em sua cadeira.

– Patrícia: muito bem Juliana, gostei da iniciativa, safadinha você, e olha o peitoral desse homem gato que delícia, mas e aí Marcelo, me mostre o que é capaz.

Eu me levanto, tiro minha camisa jogando na cadeira, já percebendo que Patrícia havia puxado um pouco sua saia até o meio da coxa, fico em pé em sua frente, pego em sua nuca e lasco um beijo de língua, que é retribuído com sucesso, minhas mãos alisando suas coxas por dentro de sua saia, dão uma pequena puxada para subi-la mais, Patrícia percebendo minha jogada, dá uma leve levantada rápida e termino de empurra aquela saia para cima e deixando sua calcinha amostra.

Saímos daquele beijo maravilhoso demais, dou um passo para trás, olhando aquela calcinha de renda vermelha, olho então para Juliana que estava passando a mão na sua vagina por cima da calça, vou até ela, a puxo pela mão para ficar de pé, me posiciono por atrás e a pegando com vontade pelo cabelo, arrancando um suspiro dela, fico olhando para Patrícia que nos olhava com grande admiração, mordendo seus lábios e alisando sua vagina por cima da calcinha.

A recrutadora e uma entrevista envolvente

A recrutadora e uma entrevista envolvente

– Marcelo: Juliana sua gostosa, estava de olho em você naquela sala de espera, agora vou realizar seu fetiche.

– Juliana: vai meu homem, me faz sua mulher e me come na frente dela, estou ardendo de desejo, me possua gostoso.

Nesse momento vou abrindo o botão e o zíper de sua calça social, com minhas duas mãos, que com facilidade cai ao chão, nos mostrando uma calcinha preta toda de renda que eu via por trás, Juliana então se curva para baixo encostando ainda mais sua bunda no meu pau, rebolava enquanto tirava sua sandália e puxava a calça para fora.

Patrícia também já sentia um fogo que lê ia consumindo, foi abrindo os botões de sua camisa e a tirando, ficando de lingerie vermelha no sutiã, que delícia de mulher era aquela, Juliana então vai voltando a sua posição.

– Juliana: que pauzão gostoso em Marcelo, essa ousada pegada me deu tesão demais, está gostando do que tem aqui para você.

Ela se distancia um pouco e dá uma voltinha bem demorada, vejo aquela mulher com ainda mais tentação, que delícia a ver agora de camisa e calcinha.

– Marcelo: Juliana eu estou gostando demais do que estou vendo, vou te comer muito, te ouvir gemer como uma gata manhosa.

– Juliana: é tudo que eu quero de você gato, me faz gemer nesse seu pau duro.

– Patrícia:  Parabéns aos dois, são lindos, já comprovei que são quentes e sensuais, que darão tudo que for necessário pra ter essas vagas.

– Juliana: obrigada Patrícia, mas olha esse seu corpão lindo em, nessa lingerie vermelha, o Marcelo deve estar com o pau molhado em nós ver assim.

Juliana então se vira para mim e vai abrindo cada botão da sua camisa, aos poucos vai aparecendo seu sutiã preto de renda, logo ela tira sua camisa e joga longe, agora em definitivo está de lingerie e ainda mais gata.

Ela me olhando em pé ali, eu fixando meus olhos em seu corpo sensual, fica de quatro e vem assim andando até mim, e dá uma lambida por cima da minha calça no pênis, e vai abrindo o zíper e puxando para baixo junto com minha cueca box, aquele pau duro estava na sua cara, olho para Patrícia que se levantava da mesa, tirava de vez sua saia e já se ajoelhava ao lado de Juliana, as duas se olham e começam a lamber e chupar meu pau.

As duas vão tirando meu sapato e a roupa que estava no pé, me deixando completamente nu, elas chupavam muito bem um pênis, fui enlouquecendo e gemendo naquela sala, elas dividiam como um doce em suas bocas deliciosas.

– Patrícia: que pauzão gostoso em Marcelo, que delícia chupar assim, está de parabéns;

– Juliana: pauzão gostoso mesmo, faz tempo que queria provar um desse jeito bem grosso e saboroso.

Depois de lambuzar muito bem em meu pau e me fazer gemer com aquele sexo oral duplo, Patrícia se levanta e vai rebolando até sua mesa, me dando aquela visão privilegiada enquanto Juliana ainda o engolia todo naquela sua boca, Patrícia pega sua bolsa e tira um pacote de camisinhas, e abre uma e vem em nossa direção.

– Patrícia: Já vi e provei que vocês dois são capazes de qualquer coisa realmente, mas quero assistir os dois transando quente.

Eu fico ali olhando a Juliana se divertindo ainda com meu pênis, eu puxo pela mão a Patrícia para mais próxima de mim e enfio minha não dentro de sua calcinha, sinto bem molhada e a masturbo um pouco enquanto ela gemia baixinho e bem manhosa, depois de uns minutos Juliana para mamar meu pau e fica em pé na minha frente.

– Juliana: está na hora desse pênis provar minha vagina, estou ardendo de desejo e tesão para sentar.

Ela já retira a minha mão da vagina da Patrícia e me empurra naquela cadeira me fazendo sentar o mais rápido, tira sua lingerie, me mostrando ainda mais aquela boceta com poucos pelos, vai colocando em seguida a camisinha e vem sentando, vai entrando liso e fundo, quando termina de enterrar nos dois soltamos um gemido meia altura e ela vai sentando com uma sede de sexo inquestionável, seus seios pulando e ela pedindo que a comesse muito naquela sala.

Patrícia a via sentada à cadeira ao nosso lado e tocava uma siririca bem acelerada com sua calcinha de lado, mordia seus lábios, Juliana olhava para mim e para ela, e aí sentava com mais fervor, nossas mãos pegavam em nossos corpos com um apetite fervente, estávamos suados e muito felizes com aquela sacanagem.

Depois de muitas penetradas, eu e Juliana já estávamos gozando demais, perdemos noção do tempo, já que estava sendo um sexo bem empolgante com aquela recrutadora safada, que se deliciava em nos ver naquela belíssima putaria.

Logo Patrícia de levanta daquele cadeira ofegante, igual a mim e Juliana, se senta em sua mesa novamente e Juliana sai de cima de meu colo e se senta em sua cadeira, nos olhávamos com desejo e tesão, depois de eu foder aquela deliciosa mulher.

– Patrícia: olha meus parabéns ao dois, fiquei louca vendo vocês dois nus e transando, adorei os gemidos e o fogo, estão contratados;

– Juliana: obrigada pela oportunidade, e foi uma delícia dar para esse homem, que pau gostoso de sentar, está de parabéns gato;

– Marcelo: também agradeço pela oportunidade conquistada e quero dizer vocês duas são mulheres inesquecíveis, e você Juliana, adorei te foder, é quente demais, quero gozar assim mais vezes contigo.

Eu e Juliana nus ali nos olhávamos com um tesão enorme e querendo sem dúvidas trepar ainda mais em outras posições e ainda mais, aquela rapidinha só acendeu nossos instintos de fazer sexo.

– Patrícia: obrigada aos dois, bem vindos à nossa equipe, vão ser excelentes colaboradores.

Ela nos dá um papel com os documentos que devemos levar para a contratação, todos nós nos vestimos, e saímos daquela sala extremamente felizes pela contratação, pela safadeza e sacanagem que ali tinha acontecido naquela sala.

2974 views

Contos Eróticos Relacionados:

Fiz boquete na travesti pauzuda

Fiz boquete na travesti pauzuda - Sou mineiro de Montes Claros. Branco, loiro, quase 1,88m, aproximadamente 100kg, 38 anos, não afeminado. Hoje me considero bissexual, apesar de ainda não ter...

LER ESTE CONTO

Realidade Virtual vs Realidade Real

Olá meus leitores safados(as), o que vou contar hoje é uma realidade em algumas casas com a questão do século 21 e essa tecnologia toda, mas nada melhor que a versão real sim. Me chamo Suzana,...

LER ESTE CONTO

Com as mãos machucadas acabei comendo a enfermeira

- Lava devagar tia, meu saco ta doendo muito! -Vamos fazer o seguinte, eu vou dar uma ajudinha pra você, não precisa ficar com vergonha, vai ficar entre a gente tá! Eu sei que você ta com vergonha, mas na sua idade é normal, e você precisa soltar o que tem aí dentro pra não fazer mal pra sua saúde tá bom!

VER

Minha esposa e jovem de 19 anos

Minha esposa e jovem de 19 anos - Temos anúncio em um determinado site de swing, onde deixamos claro q não queremos contato com singles; uma mensagem bem educada, bem escrita, que nos fez ler; era...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 2 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Pornô - Xvideos Pornos - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude