Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Eróticos Gay » Como o Cinquentão Vira Puta

Como o Cinquentão Vira Puta

Publicado em 02/08/2023 por X Guloso

Daqui o vosso amigo X (nome fictício) e vou contar uma das histórias picantes que tenho para vocês.

Sou um Teddy Bear de 27 anos, 1.65m, olhos cinza, cabelo e barba castanho claro e um apetite insaciável por sexo.

Há algum tempo atrás, cerca de uns 4 anos, passei por uma fase da minha vida que sentia muita atração por homens muito mais velhos. Ficava doido quando passava na rua e via homens de barba e cabelo branco, com um corpo bem estruturado e principalmente aqueles com um rabo bem avantajado. Dava um apetite indescritível de comer ali mesmo.

Um dia lembrei-me de abrir uma conta no grindr com o nickname “Quero comer papas”.

Claro que apareceram várias ofertas, porém apareceu uma que me deu mesmo vontade de conhecer. Era o Manuel (nome fictício), um homem bem parecido, com 52 anos, cabelo e barba bem cuidados, completamente branco e parecia ter tudo no sítio apesar da idade. Fomos falando e ele disse que era gay assumido, mas que só seria, passivo, porque já não conseguia ter tesão à algum tempo. Ainda me despertou  mais a vontade de o conhecer, porque eu queria mesmo era comer o cuzinho de um “papa” e decidi marcar um encontro.

Alguns dias depois, fui ter ao tal sítio que marcamos e quando o vi, fiquei perplexo. Realmente era o homem muito bonito, bem mais do que nas fotografias, muito bem cuidado, cheiroso, bastante discreto e masculino e para minha alegria, um bundão que fazia inveja a muitos jovens da minha idade, incluindo eu.

Falamos dos nossos fetiches, de algumas aventuras que tínhamos tido e reparei que ele tinha uma voz extremamente grave e pensei que ninguém devia imaginar que ele era gay e que era uma grande puta (como eu estava prestes a descobrir). Também falamos da fase que ele estava a passar por causa de não conseguir ter ereção. Rapidamente o tranquilizei e disse:

– Não te preocupes que eu cuido de ti na mesma. E despertei de  imediato um brilho no seu olhar e um grande sorriso.

– Espero bem que sim, porque se fores tão bom na cama como tens de beleza, vou ser um vovô muito feliz. Disse ele.

Na hora, corei que nem um tomate e ainda para piorar a situação, eu tenho a pele muito clara e devia de se notar à distância.

Levantamo-nos e fomos pagar e ele aproveitou logo o momento para “acender o fogo”. Enquanto estávamos na fila, o Manuel aproximou-se do meu ouvido e sussurrou:

– Esta gente não se despacha e eu estou doido por sentir esse pau dentro de mim!

Eu fiquei de olhos arregalados de espanto e o meu amiguinho do piso de baixo, deu logo sinal de vida. Eu simplesmente olhei para e sorri.

Manuel, como morava ali perto, tinha ido a pé. Então eu dei-lhe uma boleia até à casa dele, o local onde iria comer aquele rabinho delicioso. Pelo caminho, foi me passando a mão na pena e eu já estava a ficar fora de mim. Aquele homem sabia como levar alguém à loucura.

Como o Cinquentão Vira Puta

Como o Cinquentão Vira Puta

Assim que chegamos e entramos, amarrou-me e começou a beijar-me como se não houvesse amanhã e voltou outra vez a provocar-me ao ouvido dizendo:

– Adoro me sentir-me dominado, portanto hoje quero ser a tua puta.

Não pensei duas vezes e completamente dominado pela vontade de o devorar, encostei-o à parede, de costas para mim, com uma mão naquelas nádegas maravilhosas e outra no pescoço, falei agora eu ao ouvido dele:

– Vais te arrepender do que acabaste de dizer. Vou rebentar-te toda minha puta gulosa.

– Força bébé, não tenha dó nem piedade. Rebenta-me toda. Faz-me gemer bem aaaa… Não conseguiu completar o que ia dizer, porque já estava a dedilhar o seu buraquinho.

Como é que era possível, um homem com um corpo daqueles, com uma voz tão imponente e intimidante e um jeito tão masculino, se transformasse numa passivona totalmente submissa.

Rapidamente desci-lhe as calças de deparo-me com uma visão do paraíso. Vi o cuzinho mais lindo que já alguma vez comi até hoje. Era bem redondinho e grande, peludinho tal como eu adoro e com um orifício já bem usado, tal como eu gosto. Não perdi a oportunidade para tocar no assunto e disse:

– Com um cu tão largo assim, deves levar muito nessa cona. Está bem usada.

– Por acaso já não é usada há algum tempo. O meu ex é que tinha um piroco descomunal e como ambos éramos sedentos de sexo, ele comia-me várias vezes num dia e fiquei assim.

Não resisti e caí de língua naquele buraco largo e delicioso. Ele gemia que nem uma fêmea no cio e empurrava a minha cabeça contra aquele cu maravilhoso, enquanto pedia mais e dizia para não papar.

– Ai X! Devora o meu cuzinho todo… haaaaaaa! Que língua maravilhosa. Não pares! Não pares!

Aquele papa passivão estava completamente dominado pelo desejo e pelo prazer. De seguida, fomos para o quarto e tiramos a roupa. Sem dúvida que tinha um corpo bastante bonito para a idade. Um peitoral e uns abdominais de ginásio, não muito definidos, mas até bem presentes, cobertos por uma camada abundante de pelo pequeno e macio.

Saltou para a cama e colocou-se logo de 4 para mim e suplicou:

– Anda meu macho, fode-me por favor. Deixa-me sentir essa piroca dentro de mim até me engravidar. Domina-me e faz de mim tudo o que tu quiseres.

Como é que alguém consegue resistir a uma súplica destas. Eu não. Até “voei” para cima dele e meti logo o meu pau naquele cu aberto e sedento de pau.

Foi uma sensação inesquecível. Mesmo sendo largo, conseguia mastigar o meu caralho como nunca ninguém fez e era super quente e húmido. Fez-me ir bastante mais devagar para não me vir tão rápido. Depois que me acalmei do choque inicial, consegui-me controlar e acelerei mais o vai e vem e o Manuel parece que começou a delirar. Na nossa frente tinha um espelho e dava para ver todas as expressões que ele fazia. Além dos gemidos frenéticos e constantes e do rebolar da anca, revirava os olhos, sorria, mas com a língua de fora como uma verdadeira puta insaciável. Ao ver aquele cenário, tive que abrandar outra vez, porque afinal era o desejo daquela puta que me estava a dominar e a fazer com que eu não me conseguisse conter. Amarrei no cabelo dele e puxei-o até mim e tive que lhe ordenar:

– Para de rebolar puta, ou queres que a brincadeira acabe já? Ele respondeu:

– Desculpa meu macho, mas tu estás a deixar-me fora de mim. À tanto tempo que ninguém me fodia assim como tu. Esse piroco é maravilhoso… haaaaaa! Por favor X fode-me. Quero ser a tua putaaaaa…

Tirei a piroca de dentro dele e virei-o de franguinho para mim. Ao voltar a meter o meu pau dentro daquele cuzinho saboroso, meti tudo de uma só vez e bombei bem forte. Ele começou a gemer mais alto e pegou na almofada e começou a morder e a tapar a boca. Aquela situação trouxe o meu lado mau ao de cima, tirei-lhe a almofada e deixe um estalo na cara ordenei de forma ríspida:

– Abre a boca. Ele obedeceu e eu cuspi dentro da boca dele.

– Outra vez por favor X. Suplicou ele. Dei-lhe outro estalo e cuspi de novo.

– Gostas é puta? interroguei eu num tom diabólico e acrescentei:

– Estás a gemer tanto porque? Está a doer ou está a ser bom demais? E ele respondeu quase que a choramingar:

– Está a bater lá no fundo bébé!

Eu novamente num sorriso sádico, dei-lhe outro estalo, cuspi mais uma vez, tapei-lhe a boca com a minha mão e fiz o que ele tanto tinha pedido no início. Fode-lo sem dó nem piedade e assim fiz.

Manuel arregalou os olhos e começou a gritar ainda mais alto, mas desta vez mal se ouvia com o abafar da minha mão. Não consegui aguentar muito tempo ao ver aquele cenário e vim-me naquele buraco sugador de pirocas. Ele puxou-me para ele e deu-me um beijo longo e demorado.  Quando acabou, mandei as suas mãos no meu rosto e disse:

– Waw X, nunca pensei que com esta idade voltasse a sentir tanto prazer. Quero ser a tua puta para toda a vida.

Levantamo-nos e fomos tomar banho. Ele não parou de me passar as mãos em todo o meu corpo e acabou por ser ali um momento romântico. O problema é que o meu amiguinho do piso de baixo, começou a ganhar vida e começou a dar sinal de vida. Quando o Manuel reparou, olhou para mim com cara de safado e:

– Mmmmmm… segunda ronda? Eu lancei novamente o meu sorriso sádico e…

Querem saber o resto? Curtam e comentem o que acharam e se querem saber a continuação😈😁

Fiquem bem e… BOAS FODAS!

1683 views

Contos Eróticos Relacionados:

Dei pro motorista do ônibus do meu bairro

Qual a maior loucura sexual que você já fez em sua vida? A minha foi quando dei pro motorista do ônibus de meu bairro, um velho safado chamado Vicente. E eu acabei transando com ele dentro do...

LER ESTE CONTO

Minha esposa cada vez mais puta

Minha esposa cada vez mais puta - Como falei anteriormente, somos casados a 15 anos e o meu amor e tesão por ela cresce cada vez mais. Saia para trabalhar pela manhã e só voltava à noite, minha...

LER ESTE CONTO

Comendo minha irmã casada na viagem de fim de ano

...Tirei minha sunga e passando a toalha estranhamente comecei a ficar de pau duro… Devia ser porque estava pelado tão perto de uma mulher; mesmo sendo minha irmã. Mas o pior foi que Rita virou me pegando ainda com a cueca na mão. - Desculpa Vitor, não aguentei de curiosidade…

VER

Metendo na patroa dentro do consultório

Me chamo Caio, tenho 24 anos e hoje vou contar como foi o dia em que eu fui trabalhar e acabei metendo na patroa dentro do consultório. Eu trabalho em um consultório de dentista como...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 5 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Pornô - Xvideos Pornos - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude