Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Eróticos Gay » Primeira Aventura de Adolescente

Primeira Aventura de Adolescente

Publicado em 11/11/2022 por Zenk lub

Primeira Aventura de Adolescente – Prepare-se para um conto verdadeiro e cheio de tesao. Atualmente tenho 44 anos, sou casado com uma linda mulher e vivemos muito bem.

O que vou contar aqui é uma aventura que vivi na adolescência e que nunca contém a ninguém e com certeza vai deixar você com muito tensão.

Sempre fui manchão entre os amigos mas o que eles não sabe é que quando adolescente eu sempre brincava com objetos em formato cilíndrico, usava frente ao espelho, gozei muitas vezes fazendo isso.

Aos 15/16 anos um amigo que sempre me dava carona costumava tirar aquele pau enorme para fora e mixar próximo de mim, eu ficava observando, uma dia eu não resisti e pedi pra pegar, o tesao foi tão grande que quando dei por mim já estava batendo uma para ele, como já era safadinho continuei pegando carona e sempre batíamos umas juntos, fizemos isso muitas vezes, ele dizia para eu bater muita punheta que meu pau iria ficar grande igual ao dele!! Mas não adiantou kkkk

Ele era muito safado, dizia gostar muito de masturbar e fuder com mulheres, mas que elas não faziam sexo anal com ele, as conversas foram se tornando cada fez mais picantes, um belo dia perdi a vergonha, contei que gostava de usar objetos no meu cu aí o cara ficou maluco de tesao, então eu disse a palavra mágica “ se vc prometer guardar segredo deixo me comer” ele ficou louco, topou na hora e no mesmo dia marcamos de fazer essa sacanagem, fui para casa tomei um banho, fiz uma duchinha e aquilo já fazia meu coração palpitar, palpitava tão intensamente que eu podia sentir suas batidas dentro do peito, estava trêmulo, não sabia o que dizer, fomos para um motel no anel rodoviário, nem fechamos a porta e ele já tirou a roupa deixando o pauzão e as bolas pularem para fora, que pau! parecia muito maior do que antes.

  Já fui logo perguntando como uma coisa daquela caberia dentro de mim, ele sorriu e disse que iria com cuidado!! o pau dele era imensamente maior do que meu peguei e fiz alguns movimentos, minha mão não abrasava em volta daquilo, era muito pesado e grosso, tinha uma cabeçona enorme e cheio de veias, e o detalhe!! tinha um sacão e umas bolonas e muita pele, aquela visão tirou de mim o que restava da sanidade, masturbei por alguns minutos até que ele disse!! vou colocar só a cabecinha, a promessa de se doer eu tiro…

  Eu tremia de verdade, fiquei curioso, pensei que as camisinhas fossem de tamanho único, e não conseguia imaginar que mesmo sendo elástica, alguma camisinha fosse caber naquela monstruosidade de rola.

Foi quando ele pegou a tal camisinha que mais parecia um abadá e colocou

  Me inclinei D4 instintivamente com meu rosto mergulhado no travesseiro e abri as pernas me oferecendo, puta queupariu!!!tomei a primeira, melhor e a mais longa chupada no Cú da minha vida…vocês não tem ideia??eu gemia e me mexia de um lado para o outro até que ele começou a passar o pau na portinha do meu Cú todo melado, ele gentilmente foi empurrando a estaca e assim que entrou a cabeça eu pedi para parar pois a cabeça já havia feito um estrago, ele experiente que era deixou lá dentro, ficou imóvel, fui mexendo os quadris e tentando acomodar melhor a picona dentro de mim. Conforme eu mexia a pica pulsava dentro de mim provocando mil sensações,

uiuiui, assim que entrou um pouco mais eu tentei escapar e fiquei rebolando de um lado para outro impedindo a penetração e a ânsia incontrolada dele, mas ele não era marinheiro de primeira viagem, sabia muito bem como contornar cada tentativa de escapar e exerceu seu papel de macho, me conteve à força e enfiou o caralhão no meu cu, berrei feito um louco sentindo minhas pregas rasgando, eu enfiava minha cara no travesseiro para que meus gritos não pudessem ser ouvidos, gritei!! gritei muito…

– Disse para ele! Está doendo muito. Você é enorme! – pedi desesperado que tirasse Aff!… Era grossa a coisa dentro de mim, ele apenas esperava para meter a rola mais para dentro e me acalmava, dizendo que a dor já iria passar. Só mais um pouco, só mais um pouquinho, dizia e pedia para eu relaxar.

– Você ficou me atiçando e agora quer me deixar na mão? Trate de ficar bem comportadinho, não queria experimentar, então!! Esta é sua oportunidade, você vai tomar no Cú sem frescura como macho, ele tinha ficado cruel e sua voz se tornava áspera.

– Você botou fogo nesse pau, deixou-o latejando de tanto tesão, não vai querer que eu me contente com uma punheta, vai? – argumentou.

  Cada vez que eu sentia entrar eu gemia, gritava, urrava, cheguei a chorar de verdade, parava de respirar e perdia o fôlego

Vi que não adiantava argumentar, ele estava possuído de tesão e se tornou insensível aos meus apelos, a solução era relaxar e me entregar e isso fez com que acostumasse um pouco, era pica demais para meu Cú tão apertado, enquanto ele gemia de prazer eu gemia de aflição sentindo minhas pregas sendo dilaceradas.

  Disse!! A partir de hoje você nunca mais vai deixar de gostar de dar este seu Cú!! .

Ele socou umas quatro vezes e eu gozei no lençol, depois disso ele me comeu mais uns 10 minutos e eu já estava de pau mole, não demorou muito e ele avisou que ia gozar também, depois de uma carcada mais funda, parou com ele dentro de mim e estremeceu, as estocadas ficaram mais lentas e ele soltou um urro e logo os jatos de porra começaram a encher meu Cú.

Quando tirou seu pau percebi que dali em diante nunca mais eu seria o mesmo, meu cuzinho tinha virado um cuzão.

Depois que gozamos não sabia onde enfiar minha cara de vergonha…imagine!!!!dei meu cu para uma macho pirocudo e ainda tinha que continuar trocando ideia com ele, enquanto estava com tesao tudo bem mas depois que gozei queria sumir dali!! perdi o cabaço rsrs, e só não podemos considerar um estupro porque eu quem pedi para ele me comer, mas que urrei eu admito!!! me levantei quando achei que minhas pernas já iam conseguir sustentar meu corpo e fui tomar um banho, enquanto isso ele pediu um lanche pelo interfone acompanhado de uma bebida gastosa, parecia uma espécie de cidra com sabor de pêssego, muito gostosa.

Conversamos bastante, ele me disse que gostava de ter aventuras com homens, disse que as mulheres não gostavam de dar o cu para ele pois não aguentava seu pau dentro do rabo, e vamos ser sinceros, aos 15 anos aguentei muito mais pau no rabo do que muita mulher, mas juro que penei.rsr..ele me disse que entre nós seria apenas uma amizade safada, sem maiores consequências.

Primeira Aventura de Adolescente

Primeira Aventura de Adolescente

– Tbm disse..Olha, gostei muito de te comer, se você não quiser ir adiante, a gente para e eu dando por entendido disse que tudo bem…

Fui ao espelho olhar minha bunda, vi o estrago que causou, meu rabo não fechava, eu forçava para fechar e ele abria novamente instantaneamente, mas enfim toda dor, todo o sufoco tinha valido à pena, eu tinha matado a curiosidade em saber como era o sexo anal com um pau de verdade é por outro lado satisfeito um macho safado que resolveu me iniciar nesta sacanagem.

Bom amigos, mesmo não tendo nascido Gay ali descobri que eu era um macho que gostava de rola.

Já tarde, disse que precisávamos sair dali, tentando me livrar dele antes que me comece novamente kkk.

Uma dorzinha latejante me acompanhou o resto dos dias não deixando eu esquecer do ocorrido.

Mantive sigilo eu não podia perder esta oportunidade, sabía que era proibido aquela loucura, pois eu tinha 15 anos de idade, fui porque queria experimentar e voltei porque queria levar mais rola e não perdi a oportunidade!!!

Passou alguns dias e ele já estava me comendo pela segunda vez, depois a terceira…….era muito louca as brincadeiras, nesta época fiquei com um Cú enormel!!até hoje continuo com meu cu arrombado!!kkk

Ele dava uma volta para pegar passageiros e voltava para o ponto final do ônibus e nisso eu já dava sinal na minha rua é entrava pela porta da frente, e ia junto e lá permanecia por uma hora ou mais,

sempre matava aula só para passar lá e dar para ele acredita!!! era muita loucuraaa..ele me comeu muitas vezes em pé no fundo do ônibus, e as vezes eu sentava no banco e eu subia por cima despistado.

Ele sempre dizia que era segredo nosso e que ninguém podia saber, super preocupado.

Teve um dia em questão que o tesão estava tanto que fui na casa dele no meio da tarde, ele disse que queria me ver chupando seu pau, e como não tinha feito muito isso ainda fiquei curioso, ficamos pelados no sofá assistindo vídeo pornô e nos masturbando até que me pediu para chupar, quando comecei ele ficou maluco, me segurou pela cintura e pediu para ficar de 4 e começou a bombar com força fritando meu cu de tão quente que ficou, teve um momento que levantamos e fomos engatados até o espelho do quarto pra eu poder assistir a sena, me fez gozar sem eu tocar no meu pau, assim que tirou o pau do meu cu mandou eu chupar novamente, muita loucura nesta época vcs nem imaginam kkkk

  Uma das vezes nos saímos e fomos para uma cachoeira no meio do mato a uns 60 km de bhte, deixamos o carro no estacionamento de um posto e pegamos uma trilha para o meio do mato.

Teve um momento que decidimos tirarmos as roupas e caminhar pelado pelo mato até chegar na cachoeira, andamos uns 30 minutos numa trilha e neste caminho ele pegou no meu pintinho pequeno e ficou masturbando!!! .. Tirando onda com minha cara rsrs. Por isso gosta tanto de pegar no meu grandão né safadinho, mandava eu pegar no seu pau e masturba-lo e quando estava preste a gozar mandava eu parar.

Depois de algum tempo chegamos numa cachoeira muito bonita, demos uma molhada para refrescar, depois que saímos da água o Pau do carlos já estava duro e nessa hora iria começar a humilhação suprema, eu disse para ir de vagar para eu não fazer barulho.

– Ele disse assim!! É só você não fazer barulho.

– Diga isso para o meu Cú quando esse seu troço enorme o detona todo! É muito fácil para você, questionei. Instantes depois a pica pulsante dele já entrava em mim, metia a pica grossa e cabeçuda no meu cu, a penetração foi bruta e dolorosa, gritei novamente e não parei enquanto ele não terminou de enfiar todo caralhão na minha bunda, o sacão batia no meu rego e pelo peso dava para escutar de longe cada estocada, Putz, o cara ficou louco mas não gozava, ele era um touro, era um cara muito experiente.

Pediu que eu ficasse de quatro e abrisse a perna um pouco e começou a passar a cabeçona na portinha e de repente segurou na minha cintura forte empurrou a cabeça e assim que entrou socou tudo de uma vez, eu soltei um berro tão alto que deu um eco super alto na cachoeira, gemia e gritava de dor, meu corpo tremia como uma vara verde ele tirava devagar mas enterrava com violência, mesmo já tendo me comido algumas vezes penava para dar para ele, recebi as últimas e mais profundas estocadas, antes que ele gozasse inúmeros jatos de porra, quando ele tirou o pau do meu cu foi a maior surpresa, a camisinha tinha estourado e ficado lá dentro, e tomei maior susto, ele avia enchido meu cu de porra que estava escorrendo pela minhas pernas, meu corpo e minhas pernas tremiam tanto que parecia que eu estava tendo uma convulsão, voltamos para o carro e voltamos para bhte etc…..

Como disse no início, esta foi a maior aventura que fiz na adolescência. O fato do envolvimento ter sido com um homem ativo foi muito bom, ele tinha muito tesao em comer e eu em dar e isso é o que nos conectou sem atrapalhar nossa vida pessoal, em nenhum momento tivemos senas melosas, fora disso era conversa normal de homem p/ homem.

Nesta época estava com muito medo de meus pais e amigos descobrirem sobre minhas escapadas!.. então resolvi diminuir os encontros.

Sabia que aquilo era por um tempo e que voltaríamos para nossa vida normal, depois de um tempo ele se mudou, porém depois que me casei ele apareceu mais uma vez, porém conto em outro conto essa safadeza.

Hoje tenho um relacionamento aberto e minha esposa deixa eu me divertir ainda, sou casado com uma linda mulher e tenho uma vida muito legal!!

Contei a ela que sou bissexualismo e ela disse nao importar com isso, ela fala que sou um gay enrustido, talvez seja mesmo rsrs, eu sempre fui passivo para homens e nunca os penetrei e por mais difícil que seja acreditar minha masculinidade não diminuiu em nada por isso

Já disse a ela que não gosto de homem, mas que gosto de ser penetrado, com mulher eu faço amor, com beijos, carinhos, sei que sou bissexual mas não quer dizer que tenho que gostar de homem, Amo a minha vida com minha mulher, adoro sua pele macia, adoro passear e ter momentos de carinhos, adoro beijar sua boca, minha esposa e muito sedutora e atraente sem contar que é uma delicia na cama, sou fiel e respeito nosso casamento, e conto tudo a ela!!!

Assim que conseguir um tempo novamente, retorno para contar outras histórias que vivi.

Obrigado por terem lido até aqui, e desfrutado dessa deliciosa recordação comigo.

Abraços a todos e até o próximo conto!!!

Veja abaixo outros contos gays:

Meu primeiro encontro

No início odiei e hoje sou viciado em beber leitinho

9455 views

Contos Eróticos Relacionados:

Gay dando o cu na viagem à trabalho

Um conto erótico com um gay dando o cu na viagem à trabalho. Antes de mais nada, deixe eu me apresentar, para quem ainda não leu algum conto meu, sou moreno 1.68, 74kg cabelo curto, bunda lisa,...

LER ESTE CONTO

Fui puta do padrasto e dos amigos dele

Fui puta do padrasto e dos amigos dele - Oii! Esse é o primeiro conto que eu vou compartilhar com vocês... Espero que gostem! 🌈💖 O Thiago namora com a minha mãe desde Abril desde ano, e eu...

LER ESTE CONTO

4 - Comentário(s)

  • Carlos 10/05/2023 04:55

    Adorei seu conto e eu adorava fuder o cuzinho de primo e amigos na infância e adoraria fuder o seu.

  • Zenk lub 01/01/2023 14:33

    Qual seu tem com ddd Ferreira

  • Ferreira 30/11/2022 18:28

    Ol também sou casado e não tive essa experiência e sinto esse desejo vamos conversar 95753-5794

  • João 19/11/2022 18:26

    Sou casado com uma mulher como a sua, tenho desejos como vc, sinto exatamente o que você descreveu, mas não tive a experiência. Se pudermos conversar.

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 5 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Super HQ - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude