Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Picantes » Tem calcinhas que a gente não esquece

Tem calcinhas que a gente não esquece

Publicado em 16/11/2023 por Soraya

Tem calcinhas que a gente nunca esquece . . .

A primeira, então, foi mais do que especial, principalmente por ter sido com minha irmã. Aliás, foi sugestão dela.

Farei um relato à parte.

Perto da meia-noite fui ao terraço e escolhi a mais nova (a amarelinha).

Tirei rapidamente a calça de moletom (estava sem cueca), vesti a peça e dei umas voltinhas para senti-la.

Vesti a calça e desci.

No quarto, troquei o moletom pelo short do pijama e deitei.

Minha esposa deitou-se em seguida. Deu um beijo de boa noite, e virou para o lado.

Apalpei-me, sentindo a calcinha coladinha no meu corpo, e envolvendo meu pau e meus testículos com uma suave firmeza. Meu pau avolumou-se, despontando a cabeça para fora da calcinha.

Adormeci assim.

Acordei no meio da noite para urinar. Com dificuldade para acertar o vaso, pois ele estava rijo.

Ao levantar, pela manhã, havia um grande volume sob a pijama.

Fiquei com ela até por volta das oito horas, quando subi e a pendurei de volta no varal da vizinha.

Outra, que também ficou registrada, foi uma cor de laranja com uns desenhos tipo ondas do mar, em branco e azul. De um tecido sintético, mas bem envolvente e fresco.

O mesmo esquema para vestí-la, catei no varal da vizinha. Só que haviam muitas opções, então precisei experimentar várias.

Já deitei de pau duro, e as duas vezes que levantei, precisei dar uma espairecida para abaixar ele e poder acertar o vaso.

Dessa vez abusei mais da sorte, só fui devolver depois das nove horas. São dois, os perigos, Julia geralmente abre a porta da cozinha (que dá de cara para a escada) logo que levanta, e a essa hora já poderia ter ido recolher a roupa, também. Nada disso havia acontecido. Uffa . . .

Risco, mesmo, corri no dia que vi as duas (mãe e filha) saindo, e sabia que a Julia tinha lavado roupas, então subi de bermuda e sem cueca, para me deliciar com as calcinhas.

Experimentei uma a uma, tanto dela quanto da Dani, sempre dando umas voltinhas e me olhando no reflexo da porta, que era de vidro. Demorei mais numa marronzinha de algodão (acho que era da Julia, pois era um pouquinho maior). Depois de passear com todas, voltei à marronzinha, que, mesmo sendo maior, meu pau quase não cabia, inda mais que fiquei esfregando ele por cima da calcinha, até ao ponto dele quase explodir. De repente percebo a luz do corredor acender, e quase não deu tempo de vestir a bermuda, pegar o celular e me debruçar na janela, quando as duas chegaram.

Tem calcinhas que a gente não esquece

Tem calcinhas que a gente não esquece

Fingi que nem percebi, até a Julia falar boa noite, ao que respondi, meio de costas, pois o volume era visível.

Julia chegou perto, perguntando o que estava rolando. Falei que tinha ido conferir o tempo.

Ela balbuciou um ãhã, e balançou afirmativamente a cabeça, aproveitando para descer os olhos até meu pau.

Gelei (e devo ter ficado vermelho) quando ela foi até o varal, apalpou algumas roupas penduradas, e chamou Dani para descerem, dizendo que ainda não estava bem seco – ela deve ter reparado o prendedor solitário . . .

Tirei logo a calcinha e desci correndo (na pontinha dos pés, claro).

Nota: Nesse dia o risco foi bem maior, pois ainda não tinha dado 7h da noite, e eu sempre subia para catar uma calcinha beirando a meia-noite. Horário que eu durmo, normalmente.

No fim de ano sempre tem calcinhas novas. E no final de 2022 não foi diferente, pior que só percebi no dia seguinte que Julia havia lavado elas, e não deu para dormir com uma novinha. Tudo bem, pois uns dias depois, topei com duas delas dependuradas, e não deu outra, catei e vesti na mesma hora. Meu pau passou a noite toda em riste.

Para melhorar, no dia seguinte ela lavou mais algumas, e acabei dormindo duas noites seguidas de calcinha. Uma nova e a outra velha, mas muito gostosas, e o melhor, troquei de calcinha na manhã seguinte, e fui na feira com ela, depois dependurei no mesmo lugar, mas temperada com o aroma do meu suor.

Acho que levei quase 2 meses para fazer meus autorretratos com essas novas. E ainda não consegui com todas.

Tenho fotos em 4 posições com cada calcinha das vizinhas.

Fui ao delírio o dia que topei com uma bacia cheia de roupas sujas ao lado da máquina.

Julia tinha colocado as roupas mais pesadas para lavar, e deixou as demais para depois, eu acho.

Catei todas as calcinhas que encontrei, e coloquei em cima de uma mesa plástica. Nem interessava saber de quem eram. Eu só queria sentir o aroma das entranhas delas. Antes da terceira meu pau já latejava. Na quinta calcinha tive que baixar a bermuda para ele respirar. Aí passei a masturbá-lo com uma, enquanto eu cheirava as demais. Não demorou muito para ele anunciar o gozo, que veio antes mesmo de eu me preparar. Ainda consegui aparar um bocado com a mão, mas o restante foi na mesa e no chão mesmo.

Limpei tudo e desci.

1759 views

Contos Eróticos Relacionados:

Ainda virgem fiz o amigo gozar na minha mão

Ainda virgem fiz o amigo gozar na minha mão - Oi, sou a Dani, e o que vou contar aconteceu a quase 30 anos, eu à época tinha acabado de fazer 18 anos, sou morena, cabelos lisos, 1,64 e pesava na...

LER ESTE CONTO

Esposa safada traindo

Esse é meu primeiro conto. Tudo.começou quando, durante uma transa, perguntei à minha esposa se ela gostaria de fuder com outro. A princípio ela disse que não, pois estava satisfeita comigo....

LER ESTE CONTO

Titio comeu minha bucetinha enquanto me ensinava

Todos sabem que iniciei minha vida dupla, desde cedo, muitas vezes eu achava que ninguém sabia, mas os meninos sempre explanavam, moral da história, até meus tios ficavam sabendo. Meu pai sempre...

LER ESTE CONTO

No desembarque o bicho pegou

No desembarque o bicho pegou - Oi Gente Sou Elisa,Sou loira,1,76 de Altura,peitões,raba grande,corpo trabalhado a 12 anos de academia,tenho 32 anos. Nasci no Brasil mais cresci em Londres,sou...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 2 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Argentino - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans - Homem Pelado

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude