Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos Eróticos de Fetiche » Fui arrombada por negros na tribo no congo

Fui arrombada por negros na tribo no congo

Publicado em 22/08/2023 por Victoria matos

Me chamo Victoria sou morena pele branquinha 1.75 alt 85 kg tipo cavala, cintura fina e seios naturais grandes, cabelos ate o meio das costas, marquinha de bikini, unhas cumpridas, sempre pintadas e pezinho sempre bem feitos e macios, Sou Dentista 33 anos sou do Rio de Janeiro tenho 130 cm de Bumbum e sempre fui muito vaidosa mesmo e aprendi ser bem puta e adorar negros com meu ex namorado que me incentivava ao swing e ao menage masculino, depois que nos separamos comecei a participar de grupos de apoio e ajuda a imigrantes e ate viajar para o congo fui uma vez e ai que tive uma experiência mega deliciosa, vou contar

Eu e mais 4 pessoas 3 mulheres e 1 homem, fizemos a viajem para o congo chegando la fomos para o hotel e no dia seguinte formos visitar as tribos que necessitavam de ajuda medica e odontológica, um guia da ONG local seu nome era YERONDI rapaz de uns 30 anos presumíveis rapaz simpático e jovem, chegando na tribo falamos com chefe para autorizar o atendimento dos nativos, seu nome era ORUM chegamos cedo por volta das 7:30 da manhã horário local, eu estava com uma dor terrivel nas costas mais tinha o compromisso com aquelas pessoas e fui assim mesmo e depois de conversar com chefe, foi cedido a nós a tenda ou oca do Chefe ORUM, e tinha filas para avaliação medica e odontológica, quando chegamos todos nos comeram com os olhos pois era raro pessoas brancas eu estava vestida de camiseta branca da ONG e calça branca que uso no dia dia, tênis, branco e jaleco so que o jaleco cobria a frente e amarrava atras entao, nao cobria minha bunda que eh muito grande, 125 cm de quadril, fizemos os atendimentos e o nosso pessoal foi convidado a fazer um passeio para conhecer a tribo eu nao fui fiquei descansando na tenda por causa da dor, ate entao fiquei sozinha deitada naquelas cama de colchão de palha, qndo percebi o Chefe ORUM me observando deitada quase que de bruço com a bunda empinada e mais dois negros que seria seus assistentes ou segurança sei la o nome, todos altos e fortes quando abri os olhos tomei um susto e pedi desculpas, no idioma deles, ” verskonings ” mas nao entenderam muito pois nao sei falar muito o idioma deles então o ORUM veio em minha direção rapidamente me sentei na cama tentando pedir desculpas, ele apenas se aproximou e falou algo com seus assistentes, mais nao entendi direito, eles apenas sorriram, fiquei paralisada sentada enquanto ORUM puxou sua tanga e tirou para fora um SENHOR PAU minha nossa nunca vi algo do tipo grande e cheio de veias cabeça brilhando devia ter uns 26 cm nao sei mas era muito grande e nao sei se era um tipo de óleo ou suor que fazia brilhar aquela rola, fiquei trêmula mais um tesão jamais tinha sentido, e falou

“hou my hele ledemaat aan en maak dit dan ook met my mans” guardei essas palavras que dizia mais ou menos assim

” SEGURE MEU MEMBRO E COLOQUE NA BOCA E FARA ISSO TAMBEM COM MEUS HOMENS” segurei aquele monumento negro duro igual uma pedra e acariciei com as mãos próximo ao meu rosto tinha um cheiro estranho forte, mais coloquei na boca com dificuldade e chupei muito acho que nenhuma mulher daquela tribo sabia fazer, ORUM Se retorcia e soltava uns grunhidos falando algo que nao entendi mais estava pirando com minha boca naquela rola e logo chamou os dois que tbem tiram pra fora mais duas toras negras grossas e grandes e comecei a alternar as chupadas e as lambidas e me seguraram pelo braço me levantando e acariciando minha bunda e seios logo estava totalmente nua nas maos desses animais negros forazes querendo devorar-me logo me amarraram num tronco com as mãos para cima de costas pra eles e começaram a me lamber inteira desde os pés ate a cabeça aquelas linguas asperas percorriam meu rabo, minha xaninha e meu cuzinho aquilo me arrepiava de tal maneira que cheguei ao orgasmos, me desamarraram e jogaram-me na cama o chefe me puxou pela anca me deixando de quatro e colocou aquela tora na minha bucetinha que pegava fogo ja qndo ele deu a primeira estocada socou forte sem piedade (devia ter pensado que eu era alguma mulher deles que estava acostumada ja com rolas daqueles tamanhos) eu vi ate estrelas bateu no utero, rim, figado sei la e continuou a socar forte segurando forte sem ter a minima chance de escapar, eu gemia alto gritava, de tesao e dor mais jamais alguem me ajudaria, quem ousaria entrar na tenda do chefe sem ser convidado, NINGUÉM socava rapido e forte continuadamente sem se cansar gozei varias vezes seguidas enquanto chupava a rola de um deles e o outro ajudava a segurar meus quadris nunca viram mulher tão rabuda e cheirosa na vida chefe não demorou muito e me entopiu minhas entranhas de leite muita porra mesmo, logo que saiu um deles perguntou algo ao chefe que respondeu sim com a cabeça, devia ter pedido permissão para me enrabar tbem, mais qndo me levantaram um deitou e fez gesto para subir em cima dele entendi o recado e encaixei a rola na minha bucetinha toda encharcada de porra do ORUM e o outro veio por tras e no meu cuzinho, minha nossa fiquei imaginando se ele desse a primeira estocada igual ao chefe no cuzinho iria desmaiar mas ainda bem que nao!!! Passou um oleo que usam no corpo e foi enterrando devagar, ate entrar tudo dentro de mim, era duas rolas de grande porte dentro do meu corpo, ambos socavam sem dó e tiravam para o chefe olhar o estrago nessa hora ORUM so observando eu ser arrombada brutalmente pelo seus súditos parecia gostar de assistir eu gemia, berrava pqp, mas esses negros sabiam como foder uma mulher demoraram a gozar qndo o que estava no cuzinho tirou o pau do meu rabo e veio ate minha boca e despejou muito leite na minha boca, nos seios cabelo tudo, param um pouco e o que estava em baixo me deitou de frente ergueu minhas pernas e as jogou no seu ombro, apontou no meu cuzinho e socou sem dó nem piedade no meu rabo e meteu ate gozar e encher meu cuzinho de porra grossa e quente, os tres me fizeram limpar seus paus com a boca e me vesti, passou uns 30 min o pessoal chegou anunciaram que voltariamos no outro dia o chefe ofereceram para que dormissemos la recusamos e olhou para seus suditos me olharam sorriram ja entendi o recado. Fomos para o hotel tomei um banho de 2 hs e imaginando se eu dormisse la na tenda do ORUM o que seria de mim no outro dia! Mas no outro dia voltamos e depois conto como foi o outro dia! Bjos todos

Fui arrombada por negros na tribo no congo

Fui arrombada por negros na tribo no congo

Me chamo Victoria sou morena pele branquinha 1.75 alt 85 kg tipo cavala, cintura fina e seios naturais grandes, cabelos ate o meio das costas, marquinha de bikini, unhas cumpridas, sempre pintadas e pezinho sempre bem feitos e macios, Sou Dentista 37 anos sou do Rio de Janeiro e sempre fui muito vaidosa mesmo e aprendi ser bem puta e adorar negros com meu ex marido que me incentivava ao swing e ao menage masculino, depois que me divorciei comecei a participar de grupos de apoio e ajuda a imigrantes e ate viajar para o congo fui uma vez e ai que tive uma experiência mega deliciosa, vou contar

Eu e mais 4 pessoas 3 mulheres e 1 homem, fizemos a viajem para o congo chegando la fomos para o hotel e no dia seguinte formos visitar as tribos que necessitavam de ajuda medica e odontológica, um guia da ONG local seu nome era YERONDI rapaz de uns 30 anos presumíveis rapaz simpático e jovem, chegando na tribo falamos com chefe para autorizar o atendimento dos nativos, seu nome era ORUM chegamos cedo por volta das 7:30 da manhã horário local, eu estava com uma dor terrivel nas costas mais tinha o compromisso com aquelas pessoas e fui assim mesmo e depois de conversar com chefe, foi cedido a nós a tenda ou oca do Chefe ORUM, e tinha filas para avaliação medica e odontológica, quando chegamos todos nos comeram com os olhos pois era raro pessoas brancas eu estava vestida de camiseta branca da ONG e calça branca que uso no dia dia, tênis, branco e jaleco so que o jaleco cobria a frente e amarrava atras entao, nao cobria minha bunda que eh muito grande, 125 cm de quadril, fizemos os atendimentos e o nosso pessoal foi convidado a fazer um passeio para conhecer a tribo eu nao fui fiquei descansando na tenda por causa da dor, ate entao fiquei sozinha deitada naquelas cama de colchão de palha, qndo percebi o Chefe ORUM me observando deitada quase que de bruço com a bunda empinada e mais dois negros que seria seus assistentes ou segurança sei la o nome, todos altos e fortes quando abri os olhos tomei um susto e pedi desculpas, no idioma deles, ” verskonings ” mas nao entenderam muito pois nao sei falar muito o idioma deles então o ORUM veio em minha direção rapidamente me sentei na cama tentando pedir desculpas, ele apenas se aproximou e falou algo com seus assistentes, mais nao entendi direito, eles apenas sorriram, fiquei paralisada sentada enquanto ORUM puxou sua tanga e tirou para fora um SENHOR PAU minha nossa nunca vi algo do tipo grande e cheio de veias cabeça brilhando devia ter uns 26 cm nao sei mas era muito grande e nao sei se era um tipo de óleo ou suor que fazia brilhar aquela rola, fiquei trêmula mais um tesão jamais tinha sentido, e falou

“hou my hele ledemaat aan en maak dit dan ook met my mans” guardei essas palavras que dizia mais ou menos assim

” SEGURE MEU MEMBRO E COLOQUE NA BOCA E FARA ISSO TAMBEM COM MEUS HOMENS” segurei aquele monumento negro duro igual uma pedra e acariciei com as mãos próximo ao meu rosto tinha um cheiro estranho forte, mais coloquei na boca com dificuldade e chupei muito acho que nenhuma mulher daquela tribo sabia fazer, ORUM Se retorcia e soltava uns grunhidos falando algo que nao entendi mais estava pirando com minha boca naquela rola e logo chamou os dois que tbem tiram pra fora mais duas toras negras grossas e grandes e comecei a alternar as chupadas e as lambidas e me seguraram pelo braço me levantando e acariciando minha bunda e seios logo estava totalmente nua nas maos desses animais negros forazes querendo devorar-me logo me amarraram num tronco com as mãos para cima de costas pra eles e começaram a me lamber inteira desde os pés ate a cabeça aquelas linguas asperas percorriam meu rabo, minha xaninha e meu cuzinho aquilo me arrepiava de tal maneira que cheguei ao orgasmos, me desamarraram e jogaram-me na cama o chefe me puxou pela anca me deixando de quatro e colocou aquela tora na minha bucetinha que pegava fogo ja qndo ele deu a primeira estocada socou forte sem piedade (devia ter pensado que eu era alguma mulher deles que estava acostumada ja com rolas daqueles tamanhos) eu vi ate estrelas bateu no utero, rim, figado sei la e continuou a socar forte segurando forte sem ter a minima chance de escapar, eu gemia alto gritava, de tesao e dor mais jamais alguem me ajudaria, quem ousaria entrar na tenda do chefe sem ser convidado, NINGUÉM socava rapido e forte continuadamente sem se cansar gozei varias vezes seguidas enquanto chupava a rola de um deles e o outro ajudava a segurar meus quadris nunca viram mulher tão rabuda e cheirosa na vida chefe não demorou muito e me entopiu minhas entranhas de leite muita porra mesmo, logo que saiu um deles perguntou algo ao chefe que respondeu sim com a cabeça, devia ter pedido permissão para me enrabar tbem, mais qndo me levantaram um deitou e fez gesto para subir em cima dele entendi o recado e encaixei a rola na minha bucetinha toda encharcada de porra do ORUM e o outro veio por tras e no meu cuzinho, minha nossa fiquei imaginando se ele desse a primeira estocada igual ao chefe no cuzinho iria desmaiar mas ainda bem que nao!!! Passou um oleo que usam no corpo e foi enterrando devagar, ate entrar tudo dentro de mim, era duas rolas de grande porte dentro do meu corpo, ambos socavam sem dó e tiravam para o chefe olhar o estrago nessa hora ORUM so observando eu ser arrombada brutalmente pelo seus súditos parecia gostar de assistir eu gemia, berrava pqp, mas esses negros sabiam como foder uma mulher demoraram a gozar qndo o que estava no cuzinho tirou o pau do meu rabo e veio ate minha boca e despejou muito leite na minha boca, nos seios cabelo tudo, param um pouco e o que estava em baixo me deitou de frente ergueu minhas pernas e as jogou no seu ombro, apontou no meu cuzinho e socou sem dó nem piedade no meu rabo e meteu ate gozar e encher meu cuzinho de porra grossa e quente, os tres me fizeram limpar seus paus com a boca e me vesti, passou uns 30 min o pessoal chegou anunciaram que voltariamos no outro dia o chefe ofereceram para que dormissemos la recusamos e olhou para seus suditos me olharam sorriram ja entendi o recado. Fomos para o hotel tomei um banho de 2 hs e imaginando se eu dormisse la na tenda do ORUM o que seria de mim no outro dia! Mas no outro dia voltamos e depois conto como foi o outro dia! Bjos todos

5653 views

Contos Eróticos Relacionados:

Minha namorada ofereceu sua amiga

Eu chagava do trabalho geralmente as 19 hs e encontrava Paulinho todo vestido de menina, comprei a ele vestidinhos, mini saias, légs. Shortinhos e ele se vestia como uma princesinha e me esperava...

LER ESTE CONTO

Comendo a buceta virgem da minha enteada

Hoje vou contar a história do dia que acabei comendo a buceta virgem da minha enteada, que sempre tratei como filha e por muitas vezes chamava como se fosse. Essa história aconteceu durante uma...

LER ESTE CONTO

Revelação surpreendente

Revelação surpreendente - Somos um casal na faixa dos 40 anos e moramos em uma cidade do interior de SP. Sempre tivemos um relação boa e convencional no sexo. Nossos dois filhos moram fora...

LER ESTE CONTO

Transei com minha vizinha

Transei com minha vizinha e vou contar tudo pra vocês nesse conto de sexo. Meu nome é Arthur e eu tenho 32 anos. Já estava há um tempo com vontade de comer minha vizinha, principalmente porque ela...

LER ESTE CONTO

1 - Comentário(s)

  • Maumal 15/10/2023 21:05

    Acho estranho Mat tudo bem

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 4 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Argentino - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans - Homem Pelado

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude