Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos de Sexo » O garoto dotado, nosso dono – parte 1

O garoto dotado, nosso dono – parte 1

Publicado em 14/08/2023 por Diana Kurskcheve

Oi, me chamo Diana, nos últimos anos minha vida virou de cabeça pra baixo com tudo que vou relatar aqui. Casei cedo e aos 23 anos tive minha filha a Bia. Alguns anos depois meu relacionamento com o pai dela não andava muito bem e nos separamos, ele sempre proveu a mim e minha filha com tudo que era necessário, então tínhamos uma vida estável e tranquila morando numa casa próximo a Salvador. Eu trabalho em uma joalheria e assim, também contribuo com as despesas.

Eu na época com com 41 anos ainda era muito ativa e saia com alguns paqueras, mas nada durava muito tempo. Sou morena, bem clarinha, magra, com seios pequenos e a bundinha, como dizem, empinada. Acho que por ter a cintura fina e o quadril mais largo.

A Bia estudava e estava no último ano de escola. Ela é linda e começou aos 18 anos a namorar o Rafa. A Bia é bem parecida comigo, um pouco mais baixa porém com mais corpo, mais seios e mais coxas. Como moramos bem próximo a praia ela mantém uma marquinha de biquine perceptível na pele clarinha dela.

Eu sempre achei o namoro dela muito adiantado, como eu me casei e não deu certo, achava que ela deveria ter mais namorinhos para depois se engajar em um relacionamento mais sério.

Logo no início do ano as vendas estavam agitadas e eu saia de casa cedo, passava o dia na empresa e retornava à tardinha. Certo dia tive que ir ao centro da cidade levar uma encomenda e já imaginando que iria perder mais que o dia, falei para Bia que voltaria tarde, talvez depois das 21h para não pegar engarrafamento.

Arrumei as coisas e saí, passei na empresa para pegar o pacote e quase no meio do caminho me ligam avisando que não poderiam me receber. Voltei à empresa, deixei meu carro e por volta das 11h da manhã peguei uma carona com uma amiga até minha casa que era bem próxima, mas esqueci de avisar a Bia que tinha voltado.

Assim que entrei na sala ouço o portão se abrindo, era a Bia e junto estava o Guto, um moreno branquinho, magro e de estatura média. Ele segurava a mão da Bia e ia na frente, entrando, parecendo já conhecer a casa. Eles sorriam e conversavam. Eu achando estranho corri para a cozinha e por receio de estragar o clima, me escondi. Pensei, ela ta de namorinho novo, mas o Rafa é bem mais bonitinho. E esse Guto sempre anda por aí calado, meio tímido.

Os dois foram direto para o quarto dela. Curiosa fui de mansinho até a porta e ouvi o som dos beijos quentes e eles conversavam qualquer coisa. Então ouvi a bia falar: Guto só vou chupar ta? Você me promete que só vai fazer isso né? Um tempinho depois ouvi um: Ai Guto que delicia! Umas batidas fortes e o som inconfundível de um boquete, mais batidas e mais boquete.

Corri para fora e fui até a janela do quarto da Bia, estava com o coração a mil e super curiosa. Estava aberta já que o muro protegia de qualquer vizinho enxerido. Ao olhar tomei um susto! O Guto estava em pé e a Bia sentada na cama. A rola do Guto era enorme! Eu tenho um consolo de 18cm, aquilo tinha no mínimo 22cm e grosso como meu pulso. A pelinha cobria a cabeça até a metade, roliço e com o meio um pouco mais gordinho. Estava meia bomba ainda. A Bia com as duas mãos nas coxas do Guto abria a boca e o Guto segurando seu rolão puxava a pele para baixo, expondo a glande e botava na boca de Bia que só conseguiu engolir até um pouco depois daquela cabeça. Ele tinha um acúmulo de pele ali o que dificultava a passagem pro resto da piroca. Vi que ele tirava da boca dela, batia com o pau na cara dela e mandava pra dentro de novo. Enquanto isso, o pau crescia. A Bia pegou no saco dele, que não era grande, e massageou, puxou para cima e lambeu seguidas vezes próximo ao cu dele. Eu não acreditava no que estava vendo. Que putinha!

Fiquei ali olhando uns 10 minutos de chupação. Nisso a Bia falou: Você não vai gozar para mim? Ele pegou o pau puxou a pele para trás, expondo a cabeçona e disse: Você sabe que eu não gozo assim sua putinha. Poxa Guto você me prometeu que seria só uma chupada, não faz isso comigo de novo, eu juro que tomo tudinho, por favor. Por favor!

A rola dele ficou que nem pedra vendo minha filha pedindo por favor para tomar o esperma dele. Nisso ele diz: Bia eu quero você. Mas Guto por favor, só na boquinha! O Guto começa a pegar a cueca para vestir mas a Bia se mexe pegando 2 travesseiros, então ele para. A Bia coloca os 2 travesseiros no chão, tira a calcinha, já empapada, se ajoelha e coloca a barriga em cima da cama ficando de 4. De início não entendi essa posição. Ela empinou a bundinha e o Guto chegou por trás e lambeu a bucetinha da minha filha.

A Bia começou a dizer com voz de choro. Guto por favor, eu tomo tudo, não faz isso você prometeu. Ele lambia do clitores até o cuzinho da minha filha,ficou assim uns minutos, parou e disse: Cadê o gelzinho que te dei da última vez? Ela apontou pra gaveta. Ele pegou o gel, espremeu na mão uma boa quantidade e punhetou um pouco a rola, passou na bucetinha da minha filha e enfiou 2 dedos dentro. Mais uma vez ela choramingando pediu: Guto por favor… ele encostou a glande na entradinha da buceta dela e empurrou devagarinho, puxando a pele que cobria a glande para trás, mas não entrou. Tentou de novo e de novo.

O garoto dotado, nosso dono - parte 1

O garoto dotado, nosso dono – parte 1

A Bia me assustou quando disse com uma vozinha safada: Por favor Guto eu vou tomar toda sua porra, vou engulir tudo, lambo seu cuzinho, mas não coloca de novo que eu não vou aguentar dessa vez. E logo em seguida ouço o aaiiiiii!!! um choramingo misturado com tesão.

O Guto faz cara de safado e começa a movimentar o quadril alargando a bucetinha.  Alguns minutos depois ele dá uma estocada mais forte, vejo o cuzinho da minha filha estufar pra fora e mais um grito. Ele continuou empurrando até mais da metade e parou. Não acreditava que aquilo estava dentro dela.

Ele começou a tirar a rola até só a glande e entrar de novo até o meio. ficou assim por vários minutos. Eu via o cuzinho da minha filha estufando a cada metida. Então a coisa começou a ficar mais fácil, o Guto já aumentava a velocidade, porém ainda devagar, e metia mais fundo. Eu já me masturbava e apreciava aquilo. Então o Guto pegou a cintura da Bia e deu duas estocadas fortes puxando ela ao encontro dele. Ela deu um grito alto. Seu cuzinho estufou e se abriu, dava pra ver um pouco do interior dele saindo, ela gritava choramingando. Ela colocou o braço para trás tentando deter, mas ele deu mais 3 estocadas e parou. Da bucetinha da minha filha saia jatos de gozo dela que molhavam os travesseiros, foram uns 5 jatos de mijo.

O Guto sorriu, esperou as contrações da buceta Bia pararem e o cuzinho da minha filha começar a voltar para dentro, mesmo ficando ainda aberto e começou a bombar de novo bem de vagar. Dessa vez foi mais fácil para ele, porém minha filha não parava de choramingar e falar aaiii aiiii aaaaaiiiii!!! Passaram-se alguns minutos e o Guto já metia forte e cadenciado naquela bucetinha. Dessa vez ele nem precisou das estocadas fortes, vi o cuzinho da minha filha mais uma vez se estufando, agora se abrindo como uma rosinha e ela gritava” ai Gutoooo, aiiiiii Guuuutttoooo roludo vou gozar!!!. Jatos saiam da vagina da Bia molhando tudo, mas dessa vez o Guto não parou, continuou metendo no ritmo médio. Minha filha estava muito quieta e caída na cama, vejo os olhos revirados para cima. O cuzinho já tinha voltado, mas agora estava um burado que dava pra colocar 2 dedos. Foi aí que eu entendi porque ela estava transando naquela posição.

O Guto continuava metendo nela, ficou assim um bom tempo e nada da Bia reclamar ou se mexer. Ele então levantou a perna direita colocando o pé no chão, segurou a cintura dela e deu uma estocada bem funda. Vi seu saco bater no clitores dela. A Bia joga a cabeça pra trás e grita, leva outra estocada funda e o cuzinho agora se abre todo pra fora ficando bem vermelho, mais estocadas e o Guto fala: Vou gozar Bia, vou gozar. A minha filha já lançava os jatos de gozo no travesseiro. O Guto parou um momento, passou a mão na cabeça e relaxou. Começou a puxar aquela tora que com certeza estava empurrando o útero da Bia. Quando saiu uma grande quantidade de esperma veio junto. A Bia estava imovel, não mexia 1 musculo do corpo. Da buceta toda aberta caia esperma e o cuzinho todo pra fora, ficou assim um bom tempo até começar com espasmos colocar a rosinha para dentro do cuzinho e a tentar fechar a vagina.

Eu já estava acabada, cansada e tinha me masturbado e gozado ao mesmo tempo que ela. A Bia escorregou choramingando e se deitou no chão. O Guto veio ao lado dela e a beijou, fez um carinho, e a Bia ainda tinha alguns espasmos. Já eram quase 13:30.

Os dois descansaram por 1 hora, nesse meio tempo fui para o fundo da casa me sentar e pensar no que tinha acontecido. Quando ouvi as vozes deles, voltei. A Bia conversava com o Guto que exibia o rolão mole e a Bia estava na mesma posição, via a bucetinha dela toda aberta, melada e com esperma nos pelos pubianos e na barriga. A Bia disse que ele deve ter engravidado ela. Mas o Guto disse: Bia você sabe que eu sou apaixonado por você, fica comigo. Mas a Bia se surpreendeu dizendo que não dava, que era impossivel fazer sexo com ele todo dia. O Guto, puto, colocou a roupa e disse que sabia que ela ia procurar ele de novo, mas que da próxima só vem se for pra comer o cuzinho dela e foi embora deixando minha filha toda acabada. A Bia me surpreendeu de novo passando a mão na vagina, tirando uma boa quantidade de esperma e chupando da mão.

Fiquei olhando o estrago na minha filha e o quão putinha ela era, não me dei conta que quando o Guto saiu pelo portão me viu ali. Parou me olhou e continuou andando como se nada tivesse acontecido. Me assustei e também fui voltar para a empresa com fome, com a buceta encharcada e morrendo de tesão. O Guto tinha me visto, claro que aquela não seria a última vez que o veria.

6692 views

Contos Eróticos Relacionados:

Exibir esposa

O que mais gosto é sair com esposa ,com bermuda e fiada na bunda,onde todos possam ver e cobiçar minha esposa,gostosa e com seu shortinho enfiado naquela bunda grande e avantajada... Percebo que...

LER ESTE CONTO

Férias com minha amiga

Me chamo Hera e a história que vou contar aconteceu comigo no ano passado. Eu tinha acabado de chegar de viagem, fui passar alguns dias em outro estado visitando uma amiga , falei com ela que...

LER ESTE CONTO

Perdi meu cabaço com um surfista gostoso

...Pra variar minha xaninha já estava meladinha, meus peitinhos arrepiavam cada vez que ele me beijava o pescoço. Ele me agarrava o cabelo, me apertava contra o corpo dele e sussurrava coisas românticas no meu ouvido. Fui ficando mole e até zonza, de tanto tesão que eu estava.

VER

Mamei o marido da minha amiga

Hoje eu vim contar pra vocês um caso de que me arrependo, mas não pensei muito na hora, foi a vez que mamei o marido da minha amiga. Meu nome é Pedro, tenho 24 anos, e essa história aconteceu há,...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 2 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans - Homem Pelado

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude