Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Conto Erótico » Contos de Incesto » Irmã casada me dando a bunda

Irmã casada me dando a bunda

Publicado em 14/01/2024 por ADAMASTOR

Vou dar um hiato na sequência cronológica da minha historia, para voltar um pouco atrás e narrar uma trepada arriscada e inesquecível com minha irmã.
Um ano depois que ela me deu a buceta pela 1ª vez, eu ainda não havia comido aquela BUNDA GRANDE e belisssima, com que eu sonhava fazer há anos, 2 novelos rebolativos, quando ela ficava de joelhos na cama e lhe enfiava a pica na xoxotona, eu apreciava aquele cúzinho rosado e apertadinho, ficava imaginando como o cabeção grande do meu caralho ia caber naquele buraco tão apertado.

Recentemente Ela me confessou que o marido depois de 15 anos de casados, sempre fazendo uma só posição, papai e mamãe, ela não conhecia outra, de repente, uma noite ele sem dizer nada à acordou de madrugada, sonolenta sentiu o seu Arnaldo de pirú duro montando em cima dela, pensou que ele ia botar na xoxota, (uma nova posição), mas para seu espanto ele estava separando as bandas das suas nádegas, e direcionando a pica para o seu cúzinho, espantada tentou resistir, mas ele lhe aplicou um mata leão e conseguiu introduzir a cabeça no seu ânus, sentiu que ele passava uma pomada no restante da pica e enfiou tudo de uma vez só sem dizer uma palavra, subjugada e assustada, ficou imóvel, sentindo-se violentada, sem poder gritar, senão acordaria os filhos que dormiam no quarto ao lado, para sua sorte, mal ele conseguiu enfiar tudo, imediatamente ele começou a gozar, tudo não demorou mais que dois minutos, que pareceram uma eternidade para ela, em seguida ele virou de lado e adormeceu, enquanto ela vexada, machucada, levantou-se e tomou um demorado banho.

De tempos em tempos, sem ao menos avisar, ele repetiu por mais 5 vezes a mesma acão, de madrugada, passava uma pomada e montava em cima dela até conseguir enfiar tudo, como ela sabia que ele ia gozar logo ela relaxava facilitando a entrada e em 2 minutos estava tudo resolvido. Fiquei bestificado, caramba! O gostoso é ficar indo e vindo depois de arrombar com calma e carinho o esfíncter anal até sentir a glande presa dentro do reto, e em seguida lentamente deslizar metade e deixar a possuída se acostumar com o intruso, relaxar e ela mesmo empurrar a bunda até encostar no talo do caralho, e sentir prazer em ser enrabada, o oposto do que ele fazia com ela. Eu estava louco para comer a Bunda de Soraia mas não sabia como pedir, até que me ocorreu uma idéia. A iniciativa teria que ser dela. Assim no dia da despedida depois de fazer com que ela gozasse pelo menos umas 5 vezes com a piroca na xoxota, enquanto ainda estávamos engatados, disse: no dia em que vc me quiser dar a Bunda é vc. mesmo que vai comprar na farmácia um tubo de KY, não é oleoso, é solúvel em agua, não vai doer e vc é que vai controlar a entrada ou não. Ela deu sorriso envergonhado e disse que ia pensar no assunto.

Voltei 3 meses depois, numa sexta feira quando cheguei de viajem, fui jantar em casa dela, não deu para rolar nada , estavam todos em casa, na despedida ela trazia alguma coisa escondida com as mãos atrás das costas, disse que tinha um presente para mim que eu fechasse os olhos, quando eu abri nas minhas mãos tinha uma caixinha com o lubrificante. Fiquei sem palavras. Falei que ia enraba-la agora, ali mesmo na frente do marido da filha de quem quer que fosse, rindo muito me acalmou e disse que podia ser amanha sábado por volta das 10 horas da manha, o marido ia levar a filha para para a competição de nado livre na Faculdade onde ela estudava, iam sair pelas 9,30 e deviam voltar lá pela hora do almoço.
Essa noite quase nem dormi de tanta excitação, eu imaginara mil vezes fuder aquela BUNDA, já havia comido a da minha esposa e de 3 namoradinhas no meu tempo de adolescência, mas aquela era especial, era um incesto, numa mulher casada, na casa dela, mulher religiosa, carola, frequentadora constante da igreja, puritana, acima de qualquer suspeita de pular a cerca, dar a buceta era uma coisa, mas dar a bunda era tabú.

De madrugada ela me telefonou, eu estava acordado, sussurrando ela falou que não conseguia dormir de tão excitada, falei para se masturbar, timidamente, confessou que já tinha tocado uma siririca gozado mas e continuava com cosquinha na xoxota, então ficamos os dois nos masturbando enquanto eu dava as ordens para sábado as 10 mandei que ela tomasse um banho quente, vestisse o roupão branco e ficasse de 4 de joelhos na cama com o rosto enfiado no travesseiro, com o bundão para o alto, me esperando chegar, depois de um silencio prolongado disse que tinha acabado de gozar novamnete, eu consegui me segurar guardei a porra todinha para despejar sábado no cu da minha irmã.

Irmã casada me dando a bunda

Irmã casada me dando a bunda

As dez em ponto eu estava no corredor espreitando a porta do 708, para ver se estava tudo deserto e silencioso, com o coração aos saltos, rodei a maçaneta, a porta estava destrancada, entrei e passei a chave por dentro deixando-a na fechadura, se alguém voltasse não abriria e entrei na sala tudo na penumbra, abri a porta do quarto e ali na cama, de bunda para o alto minha adorada irmã me esperava, cabelo encaracolado, linda, pronta para ser sodomizada, num segundo fiquei pelado, atirei as roupas longe, minha piroca doía de tanto tesão, apontava para o teto, pulei para cima da cama e com o lubrificante na mão besuntei aquele cuzinho rosado.

Enfiei o indicador da mão direita, ficou preso de tão apertado, montado em cima dela encaixei o cabeção na entrada, ela cooperava separando as bandas da bunda, mas por mais que forçasse não entrava, mandei que ela e fizesse força para fora , vi o cuzinho embeiçar e com o caralho todo meladao, dei outra arrancada, lentamente vi a glande desaparecer, escutei um barulho de ploc, eram as pregas se distendendo, minha irmã estoicamente só gemia baixinho de tesão sem reclamar de nada, minha piroca não é gigante, mas é muito grossa, com veias salientes e fica roxa de tanto tesão, enquanto eu curtia a cena do encaixe, para minha surpresa minha irmã começou a rebolar devagar e jogando o bundão para tráz só parou quando sentiu os testículos encostados na xoxota, foi até o talo, 20 cm e 6 cm de espessura, desapareceu tudo no cú, ela olhava para mim com cara de vencedora, avisei que agora ia fuder a sério agarrada pela cintura e comecei um vai e vem intenso trazia até quase sair e enfiava tudo de uma vez as vezes com força ,as vezes lentamente, para minha surpresa minha irmã disse que estava gozando pela buceta, e começou a apertar o cuzinho come se mastigasse o caralho até machucava, falei para parar, disse que era incontrolável , não tinha o comando, eu já estava socando fazia uns 15 minutos, estava pertinho de gozar, ela gritou que estava gozando pelo cu não era pela buceta, ai não aguentei mais e jorrei uma cascata de porra dentro do reto dela, desabamos na cama, minha pica continuava dura presa dentro do cú, e Soraia tornou a gozar pelo cú, seu esfíncter abria e fechava sem controle, ficamos quietinhos enquanto ela se acalmava e relachava, até que libertou o caralho daquela prisão quentinha e acolchoada, quando tirei a pica o cú da minha irmã estava distendido dava para botar um ovo de galinha, mas num segundo começou a encolher, e ficou fechadinho de novo.

Não deixou sair uma gota de porra, ao contrário dos outros cus que eu já havia fudido, nunca tinha visto nada assim. Levantamos e fomos tomar um banho juntos, minha piroca não amolecia continuava dura e grande, minha irmã se abaixou no box para pegar o xampu, não deu para segurar mandei ela segurar na torneira do chuveiro e tornei a enfiar o caralho na bundona, dessa vez entrou duma vez só, ela estava cansada mas em momento nenhum reclamou, em cima da pia tinha uma escova de cabelos, usei com palmatória e a cada estocada eu dava uma bordoada, ela tremia de tesão e pedia para bater mais, eu atendia e batia mais forte, as duas nádegas já estavam roxas, comecei a sentir uma cosquinha avassaladora e gozei de novo, pouca porra, mas o gozo foi mais comprido quando tirei senti que a glande estava super sensível, maninha disse que estava com o cú esfolado, mas que quando eu quisesse de novo nem era preciso pedir, falou que tinha sido fantástico, nunca pensou que podia gozar pelo cu, com o marido disse que raramente gozava pela buceta, quanto mais pela bunda.

Depois do banho ela ficou de frente de pernas abertas agarrou as coxas e se inclinou bem para tras e eu passei creme nivea no cuzinho que estava vermelhão duas ou tres pregas tinha se esgarçado estavam sanguinolentas e na bunda para acalmar o efeito das palmadas nas nádegas, aproveitei para besuntar o caralho de creme também estava bem maltratado, inclusive esfolado no freio e na da glande. Quando olhamos o relogio já passava das 11 horas.

Me levou até a porta e nos despedimos com um beijo de cinema. De noite me telefonou disse que logo que eu sai eles chegaram, o evento devido uma avaria hidraulica tinha sido cancelado, caramba que perigo, que sorte, já pensou o corno chegar e me encontrar com a piroca enfiada na bunda da sua digníssima esposa? e ela disse que estava sentando de lado, doía tudo, mas estava feliz que nem uma adolescente que perdeu o cabaço, de pleno acordo, não via a hora de me dar a bunda de novo. Quem diria?
Assim foi a 1 vez que fudi a Bunda da minha irmã.

9588 views

Contos Eróticos Relacionados:

Uma loucura 2

Olá , meu nome é Marta , sou morena magra , seios médios rabo redondinho muito bonita . vou falar um pouco de mim de quando tinha 18 , sempre tive  muita curiosidade sobre sexo, gostava de ...

LER ESTE CONTO

Suelen vadia

Ola sou carlos 58 anos e a suelen 59 casamos com 20 anos estamos juntos ate hoje. Quando eramos noivos varias vezes flaguei a suelen fazendo sexo selvagem com o pascoal no quarto dela inclusive...

LER ESTE CONTO

Filho do patrão comendo a empregada coroa

... Silvia, eu posso até não contar para minha mãe que peguei seu filho roubando, mas eu preciso ser compensando por isso. Ela ainda sem entender a malícia. \\\" Eu entendo Cleiton, o que você precisar eu posso te ajudar, só por favor não conte para sua mãe\\\" \\\" Talvez eu preciso da sua ajuda em algo\\\"

VER

Primeira foda com um casal e quero mais

Primeira foda com um casal e quero mais -  OI, vou me apresentar, sou Lúcia, 30 anos, tenho 1,66m/ 60kg,loira,siliconada,mas o que mais chama atenção é meu bumbum, e adoro estar bem bronzeada,...

LER ESTE CONTO

1 - Comentário(s)

  • Angela 06/03/2024 15:00

    Gostei da narrativa, gosto do tema, inclusive tenho uma fantasia com o meu querido irmão, que inclui a minha a sua linda esposa.

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 4 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Pornô - Xvideos Pornos - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude