Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]

O Ap do Rick

Publicado em 14/01/2023 por Fernando Kaffs

O Ap do Rick – Fui ao colégio onde eu fiz o ensino médio buscar o meu diploma e encontrei o Rick azarando umas meninas. Fazia algum tempo que eu não o via, pois ele se mudou do nosso bairro. Nessa época, com 17 anos, eu tinha acabado de entrar na Universidade. Ele estava com 22.

– E aí Nandinho, tudo bem?

– Tudo certo, Rick. E você?

– Estou ótimo. Morando aqui perto. Estou dividindo o apartamento com um amigo. Não dava mais para morar com o meu pai. Brigávamos muito.

– Tá de bobeira, vamos lá para você conhecer o meu cafofo.

Passamos num bar e pegamos umas cervejas e nos dirigimos para o apê dele. Depois de fazermos um tour pelo apartamento, sentamos na sala e começamos a beber e colocar as fofocas em dia. Ele me falou que estava trabalhando de madrugada no CPD de um Banco. Me perguntou como eu estava na faculdade, etc…

Ele então resolveu me mostrar sua nova aquisição. Um vídeo cassete, que era novidade naquela época.

Rick colocou uma fita e ligou a televisão. Era um filme pornô. Aquele filme foi nos deixando excitados e começamos a lembrar das nossas transas.

– Bons tempos aqueles. Ele falou, alisando sua rola dura por cima da bermuda. Na época do quartel, toquei muita punheta lembrando da sua bundinha.

Eu queria fingir que não estava com tesão, mas o meu pau duríssimo estava entregando.

Acho que ele sentiu que estava forçando a barra e resolveu tomar um banho, talvez para dar uma esfriada.

Mas aquilo me deixou tão excitado que tirei toda a minha roupa, como quem diz: “Quero te dar”.

Ele saiu do banheiro enrolado numa toalha e quando viu que eu estava à vontade, me disse:

– Vai tomar um banho, Safadinho. Deixei uma toalha no banheiro pra você.

Entrei no banho e fiz a limpeza necessária para uma boa tarde de sexo.

Quando saí do banheiro, ele estava sentado numa poltrona manipulando sua rola, que estava dura como aço. Vi que ela estava maior (uns 18 cm) e bem mais grossa.

Ele se levantou, tirou minha toalha e me virou de costas, encostando aquele caralho moreno na minha bundinha branca. Ficou me encoxando e alisando todo meu corpo, enquanto me dizia indecências:

– Safadinho, você está cada dia mais gostosinho. Vou te fuder muuuuuito!!!!

Guiado por ele, me deitei de bruços no tapete da sala. Ele se deitou por cima de mim e encaixou sua rola entre minhas pernas, fazendo movimentos de vai e vem. Sua língua no meu pescoço e ouvido me fazia gemer de tesão.

Em seguida, ele foi descendo até sua língua encontrar o meu cuzinho, me levando a loucura. Seus dedos começaram a me penetrar, preparando o caminho. Pedi a ele para ficar de pé e comecei a manipular sua rola, enquanto passava a língua na cabeça, sentindo o gostinho de porra. Devagar, fui engolindo toda a sua pica. Ele então segurou nos meus cabelos e começou a fuder a minha boca.

O Ap do Rick

O Ap do Rick

Depois de alguns minutos de boquete, Rick me agarrou por trás e me arrastando pro seu quarto. Me deitou de costas e se colocou entre minhas pernas me masturbando com uma das mãos, enquanto os dedos da outra mão besuntavam meu rabinho com lubrificante.

Quando ele viu que eu já estava preparado, colocou um travesseiro embaixo da minha bunda. De joelhos à minha frente levantou minhas pernas posicionando sua rola na portinha do meu cu.

– Ai, Rick, devagar.  Falei com uma voz melosa.

Ele respondeu, bem sacana.

– Não se preocupe, Nandinho, você vai adorar.

E foi empurrando. No começo tinha com uma certa resistência, até que:

– Ahhhhhhhh!!! Delícia!!!

Senti seu caralho gostoso me invadir lentamente, provocando arrepios de tesão.  A partir daí, começou o vai e vem.  Que maravilha sentir aquela pica deliciosa, que eu conhecia tão bem, preencher o meu reto.

Ele ficou me comendo nessa posição por uns cinco minutos, mas eu queira experimentar outras, então pedi:

– Me fode de quatro.

Me posicionei e esperei. Ele segurou em minha cintura com uma das maos, apontou seu pau com a outra e empurrou tudo de uma só vez, me fazendo gemer como uma puta ninfomaniaca.

– Vai safadão, mete tudo!!! Com força!!!

No que fui prontamente atendido.

Aproveitei suas socadas vigorosas e me deixei cair de bruços. Ele continuou dentro de mim, empurrando cada vez mais fundo. Seu corpo em cima do meu e seus braços e pernas me envolvendo davam a impressão de que eu estava indefeso, mas era só prazer. Sua boca em meu ouvido dizia vários impropérios:

– Cuzinho gostoso. Vou te fuder muito!!!

– Então me fode. Mete tudo, mete!!!

Se fosse o Sérgio, já teria gozado, mas o Rick tinha uma resistência incrível. Já estava metendo a quase meia hora e não gozava. Bom pra ele, ótimo pra mim.

Em seguida, ele me virou de lado e se posicionou atrás de mim. Empurrava sua rola em meu rabo enquanto me masturbava. Meu pau, que estava a meia bomba, logo ficou duro. Agora era eu que tinha que me controlar pra não gozar. Mas não aguentei por muito tempo. Depois de uns cinco minutos nessa posição comecei a gemer e gritar:

– Ai, Rick, eu vou gozar!!! Eu vou gozar!!! Eu to gozaaaaaaaaando!!!!

Meu cu começou a se contrair, “mordendo” aquela rola duríssima, numa velocidade incrível. Ele começou a urrar:

– Ai caralho, eu vou gozaarrrr!!!!! aaahhhhhhhhhhh!!!!

Socando cada vez mais rápido enchendo meu reto de porra. Meu Deus, que delícia!!!!

Seus movimentos foram diminuindo, diminuindo, até sentir sua rola sair do meu cu, junto com seu semen.

Ainda ficamos um tempo naquela posição nos recuperando.

Tomamos banho juntinhos e fomos pra cozinha agitar alguma coisa pra  comer.

Depois do almoço, outra trepada  deliciosa. No fim da tarde, fui pra casa feliz e satisfeito, esperando novos convites.

Veja abaixo outros contos eróticos gays picantes e gostosos:

Chantagem de amigo me transforma em empregada

Eu e meu amigo Rick (O começo de tudo)

3595 views

Contos Eróticos Relacionados:

Cadela melina, arrombada pela Domme Malu e sua cadela soninha

Estava na sala de estar com minha cadela melina quando recebo um email e visualizo no meu celular, era uma Domme se apresentando com o nome de Malu, mora no Rio e explicou o contato devido a ter a...

LER ESTE CONTO

Transando com outro na casa do meu namorado

Transando com outro na casa do meu namorado - Oi, eu sou de Pelotas, sou Loira, tenho 28 anos, coloquei silicone, tenho uma bunda bonita, eu gosto, 1,68 e uns 60 kg. Estava namorando um Produtor...

LER ESTE CONTO

Eu e o tio coroa da minha amiga

...Resolvi então aproveitar, aquele coroa era muito bonito e estava me deixando excitada, passei os braços em volta do seu pescoço e comecei a alisar seus cabelos grisalhos e sedosos, senti seu volume crescer mais de encontro ao meu corpo, passei a esfregar minha bucetinha no seu pau, ele falou: - Isso tesudinha, mexe assim, vamos delícia...

VER

Descobrindo o prazer

Descobrindo o prazer - Irei nos apresentar, somos casados há 20 anos, ela uma mulher maravilhosa, morena, 39 anos, 1,59 de altura, cabelos lisos, seios médios e deliciosos, muito fogosa. Eu sou...

LER ESTE CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 2 = ?

ContoErotico.Blog - O Seu Site de Contos Eróticos 

Aqui no Blog Conto Erótico, nós trazemos todos os tipos de contos eróticos para alegrar e animar o seu dia. Nossos contos eróticos são enviados por nossos leitores e colocados aqui para excitar a todos. Sempre postamos contos eróticos com fotos, pois sabemos que isso deixa a história mais real e fácil de ser imaginada. Histórias porno, contos picantes, contos de sexo, fábulas eróticas, não importa qual o nome você dê, nós traremos tudo que você precisa para se divertir.

Todos os nomes dos contos eróticos são alterados por nossa equipe para preservar a identidade de todos, e todos os personagens que participam de nossas histórias eróticas são maiores de 18 anos.

Contos Eróticos Com Fotos

Todos os nossos contos tem pelo menos uma foto, pois sabemos que ler um conto erótico com foto é bem melhor do que só ler uma história solta, sem nenhuma imagem para ilustrar. As fotos dos nossos contos são meramente ilustrativas, são retiradas da própria internet, de sites pornográficos que divulgam essas imagens de forma gratuita.

Caso alguma imagem dos nossos contos eróticos com fotos pertença a você e você quer que seja removida, basta entrar em contato e enviar o link do conto que faremos a substituição. Algumas imagens também são enviadas pelos próprios autores dos contos.

Caso você precise entrar em contato conosco, basta usar a nossa página de contato.

Para enviar contos eróticos para serem publicados em nosso site, vá até a página "Enviar Seu Conto Erótico" e escreva sua história que postaremos aqui.

Buceta - Xvideos - Video de Sexo - Filme Porno - Porno Brasileiro - Bucetas - Zoofilia - Porno - Xvideos PutinhasMulheres Peitudas - Porno Nacional - Porno Español - Acompanhantes Campinas - Pornozao - Acompanhantes RJ - XXX - Porno Gratis - Contos Eróticos - Sexo Gay - Dog Porn - Sexo Com Animales - Contos Eróticos Incesto - Relatos Calientes - Porno Buceta - Ursos Pelados - Pornolandia - Cnnamador - Xvideo - Xvideos Porno - X videos - Corno Blog - Mega Filmes - Putaria Telegram - Xvideos Onlyfans - Homem Pelado

Contos Eróticos

© 2024 - Conto Erótico - ThePornDude